Clicky

Saída do ministro Bruno Araújo anima mercado

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

O dia está sendo de muitos eventos, antes do feriado no Brasil e com mercados no exterior abertos, o que sempre agrega mais volatilidade. Ontem, no final do pregão, foi anunciada a demissão do ministro Bruno Araújo do ministério das Cidades e a B3 engatou boa recuperação, com o índice fechando em alta de 0,43%, em 72475 pontos.

Isso abriu espaço para que o presidente Temer inicie ampla reforma ministerial criando moeda de troca para aprovação de projetos, inclusive a reforma da Previdência. Os investidores gostaram disso. Ainda no final do dia, muitos balanços do terceiro trimestre sendo anunciados, inclusive Petrobras (recuperando) e Eletrobrás.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Durante a madrugada na China, tivemos a divulgação de indicadores de conjuntura, com a produção industrial expandindo anualizada para outubro em 6,2% e vendas no varejo com alta de 10%, mas aquém do esperado de 10,5%. Os investimentos em ativos fixos nos 10 meses de 2017 expandiram 7,3%, de anterior em 7,5%. Os mercados da Ásia não gostaram muito dos dados e reagiram em queda.

Na Alemanha, o PIB do terceiro trimestre na primeira leitura mostrou alta de 0,8%, maior que o esperado de 0,6%. A taxa anualizada está em 2,8%. A inflação medida pelo CPI de outubro ficou estável e taxa anualizada de 1,6%. O índice Zew de expectativa econômica mostrou alta para 18,7 pontos, mas a previsão era 20,1 pontos. Na Itália, o PIB do terceiro trimestre expandiu 0,5% e taxa anualizada de 1,8%. Em Portugal, trimestre com +0,5% e taxa anualizada de 2,5%. Na zona do euro, expansão de 0,6% e taxa anualizada de 2,5%.

No Reino Unido, a inflação pelo CPI (Consumo) teve alta de 0,1% e taxa anualizada de 3,0%. Nos EUA, o secretário do Tesouro disse que a queda de impostos para 20% é inegociável. Disse que vai preencher rápido as vagas para o Conselho do FED. Na sequência dos mercados, o petróleo WTI negociado em NY mostrava queda de 0,32% e barril cotado a US$ 56,58. O euro era transacionado em alta para US$ 1,172 e notes americanos de 10 anos com juros em 2,39%. O ouro e a prata em queda na Comex e commodities agrícolas com viés de queda na bolsa de Chicago.

No Brasil, o IBGE anunciou vendas no varejo em setembro com alta de 0,50%, crescendo no ano 1,3% e em 12 meses com contração de 0,6%. O varejo ampliado mostra expansão no ano de 2,7% em setembro 1,0%. Destaque para o comparativo entre os meses de setembro com expansão de 9,3%.

Temer deve concluir sua reforma ministerial até 15 de dezembro (outros falam na semana próxima) e a Polícia Federal faz desdobramento da Lava Jato com condução coercitiva e prisão de filho de Picciani. Jacob Barata com novo mandato.

Na sequência dos mercados, os DIs começando o dia com viés de queda de juros, dólar abrindo com queda de 0,83% e cotado a R$ 3,27. Na B3, dia começando com viés de alta, mas com certa prudência em função do feriado de amanhã com mercados no exterior funcionando.

Bom dia e bons negócios.

Alvaro Bandeira
Economista-Chefe Home Broker Modalmais
Fonte: https://www.modalmais.com.br/blog/falando-de-mercado


Assuntos desta notícia

Join the Conversation