Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

(Repete texto publicado na noite de terça-feira)
BRASÍLIA, 21 Nov (Reuters) – O Senado aprovou nesta
terça-feira projetos que instituem o chamado voto distrital
misto nas eleições proporcionais, tema que já suscitou grande
polêmica e foi abandonado quando o Congresso discutia termos da
reforma política.
Aprovados pelos senadores nesta terça, os dois projetos –um
de autoria do presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE),
e outro de José Serra (PSDB-SP), seguem para a Câmara.
Os deputados já tentaram aprovar proposta semelhante, mas
abandonaram o texto por falta de acordo.
Os textos aprovados pelo Senado por 40 votos a 13, com
algumas diferenças, combinam duas modalidades de eleição de
deputados e vereadores. Parte das vagas será preenchida pelo
sistema majoritário, em que serão eleitos os mais votados em
distritos.
Outra parcela será definida pelos votos em partidos –as
cadeiras serão distribuídas pelo sistema proporcional.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello; Edição de Alexandre
Caverni)
(([email protected]; 55-11-56447702; Reuters
Messaging: [email protected]))

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Assuntos desta notícia