Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

(Repete matéria publicada na noite de quarta-feira)
BRASÍLIA, 29 Nov (Reuters) – A Procuradoria da República no
Rio Grande do Norte denunciou à Justiça os ex-presidentes da
Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e Henrique Eduardo Alves
(PMDB-RN) e outras seis pessoas por envolvimento em
irregularidades na operação Manus, desdobramento da Lava Jato no
Rio Grande do Norte.
A acusação tem como base investigações feitas pela operação
Manus e depoimentos de delatores, entre eles, o empresário Lúcio
Funaro.
Na denúncia de 50 páginas, Cunha é acusado de lavagem de
dinheiro e Henrique Alves, lavagem e corrupção passiva.
Os dois, segundo a peça, receberam recursos de Funaro a
partir de desvio de recursos da Caixa Econômica Federal e da
Odebrecht para custear, entre outras irregularidades, a campanha
de Henrique Alves ao governo do Rio Grande do Norte.

(Reportagem de Ricardo Brito; Edição de Tatiana Ramil)
(([email protected]; 5511 56447765; Reuters
Messaging: [email protected]))

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia