Clicky

MetaTrader 728×90

LONDRES/MILÃO, 13 Out (Reuters) – Os mercados acionários
europeus atingiram a máxima de quase quatro meses nesta
sexta-feira, impulsionados pela ação da Bayer após
acordo de venda de ativos abrir o caminho para a aquisição da
Monsanto .
O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,22 por cento, a
1.537 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600
ganhou 0,29 por cento, a 391 pontos.
O STOXX também recebeu apoio pela força do setor de
matérias-primas, com a ArcelorMittal saltando 7,37 por
cento.
O índice teve a quinta semana consecutiva de alta à medida
que os fluxos de capitais para as ações continuam, com a
confiança na recuperação econômica superando os risco políticos.
A Bayer deu um dos maiores impulsos ao STOXX depois que a
BASF concordou em comprar partes significativas dos
negócios de sementes e herbicidas por 5,9 bilhões de dólares à
vista.
A Bayer informou que usará o que receber com a venda para
refinanciar parcialmente a aquisição planejada da Monsanto por
66 bilhões de dólares, que espera concluir no início de 2018.
"Os desinvestimentos recentes… podem significar que a
Bayer só precisará de um aumento de capital abaixo de 10 bilhões
de dólares, o que seria uma surpresa positiva", disse o analista
da Baader Helvea, em nota, Markus Mayer.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,28 por
cento, a 7.535 pontos.
Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,07 por cento, a
12.991 pontos.
Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,17 por cento, a
5.351 pontos.
Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de
0,07 por cento, a 22.413 pontos.
Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,17
por cento, a 10.258 pontos.
Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,02 por
cento, a 5.457 pontos.

MetaTrader 300×250

(Por Danilo Masoni e Kit Rees)
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7509))
REUTERS TF LGG


Assuntos desta notícia

Join the Conversation