Clicky

MetaTrader 728×90

MILÃO, 11 Out (Reuters) – Os mercados acionários da Espanha
tiveram forte recuperação no pregão europeu desta quarta-feira,
com expectativas de que a crise política na quarta maior
economia da zona do euro possa diminuir uma vez que a Catalunha
não fez uma declaração formal de independência.
O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,01 por cento, a
1.534 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600
fechou estável.
Já o índice IBEX da Espanha subiu 1,34 por cento.
As preocupações diminuíram depois que o líder da Catalunha
fez apenas uma declaração simbólica, desencadeando uma resposta
do primeiro-ministro espanhol que poderia aprofundar o
confronto, mas que também sinaliza uma possível saída da crise.

As ações europeias têm em geral dado de ombros para as
tensões espanholas, enquanto a queda do IBEX permanece limitada.
O índice espanhol ainda acumula avanço de mais de 10 por cento
até agora este ano.
"Para a economia europeia em geral e, provavelmente, até
para a economia espanhola, eu não vejo grandes riscos no momento
e é possível ver isso na reação fraca do mercado", disse o
gerente de carteira de ações da Allianz Global Investors Marcus
Morris-Eyton.
As ações dos bancos espanhóis Sabadell e Caixabank
, que mudaram suas sedes legais da Catalunha para
outras partes da Espanha, avançaram na sessão após terem forte
recuo nesta semana com preocupações sobre a crise catalã.

MetaTrader 300×250

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,06 por
cento, a 7.533 pontos.
Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,17 por cento, a
12.970 pontos.
Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,02 por cento, a
5.362 pontos.
Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de
0,97 por cento, a 22.552 pontos.
Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 1,34
por cento, a 10.278 pontos.
Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,56 por
cento, a 5.439 pontos.

(Por Danilo Masoni e Kit Rees)
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7509))
REUTERS TF CMO


Assuntos desta notícia