Clicky

MetaTrader 728×90

(Texto atualizado com mais informações)
WASHINGTON, 4 Jun (Reuters) – As preparações para a reunião
de cúpula entre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e
o líder norte-coreano, Kim Jong Un, estão indo bem, e os dois
têm encontro agendado para as 9h (no horário de Cingapura) em 12
de junho, disse a Casa Branca nesta segunda-feira.
O anúncio do horário da primeira reunião entre os dois
líderes ocorreu apenas três dias depois de Trump receber uma
delegação de autoridades norte-coreanas na Casa Branca que
traziam uma carta de Kim. Trump, que havia cancelado o encontro,
anunciou abruptamente que a reunião estava de pé novamente.
Questionada sobre o conteúdo da carta de Kim, a porta-voz da
Casa Branca, Sarah Sanders, não quis "entrar nas especificidades
da carta", mas acrescentou que "nós sentimos que as coisas
continuam a caminhar e tem sido feito bom progresso".
"Eu posso lhes dizer que o presidente tem recebido briefings
diários sobre a Coreia do Norte de sua equipe de segurança
nacional", acrescentou ela. "E eu também posso lhes dizer que o
horário daquela primeira reunião será em 12 de junho às 9h no
horário de Cingapura".
Questionada se a campanha de pressão máxima dos EUA contra a
Coreia do Norte continuaria, Sanders disse que a política dos
EUA não mudou e que Washington continuava a manter duras sanções
sobre Pyongyang.
"Nós temos sanções em vigor, elas são muito poderosas e não
tiraríamos essas sanções a menos que a Coreia do Norte se
desnuclearizasse", afirmou Sanders.
Trump disse na semana passada que ele não queria mais usar o
termo "pressão máxima" para descrever sua campanha porque a
Coreia do Norte estava sendo mais cooperativa, ainda que os
Estados Unidos estejam mantendo suas sanções.
(Por Steve Holland)
(Tradução Redação São Paulo, 5511 56447765))
REUTERS LM TR


Assuntos desta notícia