Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

(Texto atualizado com mais informações)
Por Marcela Ayres
BRASÍLIA, 7 Dez (Reuters) – O ministro da Fazenda, Henrique
Meirelles, disse nesta quinta-feira que o governo ainda não
possui todos os votos necessários para aprovar a reforma da
Previdência, mas que trabalha para aprovação do texto na Câmara
dos Deputados ainda em 2017.
"Vai ser um processo em evolução, cada semana é melhor que a
semana anterior", afirmou Meirelles a jornalistas após
participar de evento em Manaus. "Estamos fazendo todo o esforço
para que a reforma da Previdência seja votada e aprovada neste
ano."
Meirelles foi um dos ministros a participar de jantar com
parlamentares da base aliada na véspera, organizado pelo
presidente Michel Temer para atingir os 308 votos necessários
para aprovação da reforma constitucional.
O encontro terminou, porém, sem a definição de uma data para
votar o texto e o governo adiou para esta quinta-feira uma nova
rodada de conversas para organizar o calendário da reforma. O
projeto precisa ser votado em dois turnos pelo Plenário da
Câmara, antes de ser enviado à análise do Senado.
O mercado apresentou uma reação forte às dificuldades do
governo, com o Ibovespa recuando 1,07 por cento e o dólar
saltando 1,73 por cento, a maior valorização em quase sete
meses. Sem reforma da Previdência, o governo brasileiro
descumpre o teto constitucional de gastos em 2019.

Indagado se deixará o ministério para concorrer à
Presidência da República nas eleições do ano que vem, Meirelles
voltou a dizer que se dedicará exclusivamente à política
econômica até o fim do primeiro trimestre, quando termina o
prazo legal para sair do cargo e se tornar candidato.
"A data de decisão sobre candidatura é até o final de março,
o que farei é me dedicar 100 por cento ao trabalho como ministro
da Fazenda, depois é que vou tomar decisão sobre possível passo
seguinte", disse.
A aprovação da reforma trabalhista resultará na criação de 6
milhões de empregos nos próximos dez anos, avaliou o ministro da
Fazenda durante o evento em Manaus nesta quinta-feira.
A economia também precisa reformar o sistema de impostos,
defendeu Meirelles, e este tema será importante em 2018. O
governo ainda não tem pronta uma versão final do texto da
reforma tributária, de acordo com o ministro.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

(Texto de Iuri Dantas, edição Alberto Alerigi Jr.)
((iuri.d[email protected]; +55 11 5644-7757; Reuters
Messaging: [email protected]))


Assuntos desta notícia

Join the Conversation