Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

BRASÍLIA, 21 Nov (Reuters) – O Palácio do Planalto confirmou
nesta terça-feira a nomeação do deputado Alexandre Baldy (GO)
como novo ministro das Cidades, em substituição ao tucano Bruno
Araújo, que entregou o cargo na semana passada alegando não ter
mais apoio no PSDB para ficar na pasta.
"O presidente da República, Michel Temer, nomeou o deputado
Alexandre Baldy (GO) para assumir o Ministério das Cidades",
informou o Palácio do Planalto em nota.
A cerimônia de posse de Baldy nas Cidades, pasta que
controla programas como o Minha Casa Minha Vida e é
especialmente importante em um ano eleitoral como 2018, será na
tarde de quarta no Palácio do Planalto.
Baldy, uma indicação do presidente da Câmara, Rodrigo Maia
(DEM-RJ), está de saída do Podemos para o PP. O presidente
Michel Temer está realizando uma reforma ministerial pontual com
o objetivo de ampliar o apoio para aprovação das mudanças
previdenciárias.
Araújo anunciou sua saída do comando das Cidades em meio ao
racha interno no PSDB, com uma parcela da legenda defendendo o
desembarque do governo Temer e outra favorável à permanência.
Nomeado oficialmente para o ministério, Baldy não deverá se
candidatar na eleição do ano que vem, critério exigido por Temer
para nomear ministros na reforma ministerial que foi precipitada
com o pedido de demissão de Araújo.

(Por Eduardo Simões, em São Paulo; Edição de Alexandre Caverni)
(([email protected]; 55 11 5644 7759; Reuters
Messaging: [email protected]))

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia