Clicky

MetaTrader 728×90

Nos Estados Unidos, a contratação continuou em um ritmo sólido em abril, com as empresas privadas adicionando 204 mil posições, mesmo em meio a sinais de aperto no mercado de trabalho, segundo um relatório divulgado pela ADP e pela Moody’s Analytics nesta quarta-feira.

O total indicou uma ligeira desaceleração em relação a março, que registrou uma revisão para baixo de 228 mil de um total de 241 mil reportados inicialmente e em linha com os analistas.

MetaTrader 300×250

O crescimento do emprego foi generalizado, com ganhos provenientes não apenas de vários setores baseados em serviços, mas também de áreas de produção de bens, incluindo a construção, que adicionou 27 mil posições.

Abril também representou o sexto mês consecutivo do relatório da ADP / Moody de crescimento da folha de pagamento privado acima de 200 mil.

A taxa nacional de desemprego atualmente é de 4,1% e perto do que os economistas consideram pleno emprego. No entanto, as folhas de pagamento continuam a aumentar um ritmo forte.

Economistas às vezes usam o número do ADP como um guia para a estimativa da contagem oficial de folhas de pagamento não-agrícola do governo que serão apresentadas na sexta-feira. As expectativas atualmente são de um aumento no relatório de cerca de 195 mil. As duas contagens podem diferir acentuadamente, no entanto, como a estimativa de março da ADP foi bem acima do registro de 103 mil do Departamento do Trabalho.

De acordo com a ADP / Moody’s, as indústrias relacionadas a serviços criaram 160 mil empregos, enquanto os produtores de bens adicionaram 44 mil.

Os principais setores incluíram serviços profissionais e empresariais (58 mil), educação e saúde (39 mil) e lazer e hospitalidade (36 mil). A produção contribuiu com 10 mil, enquanto os recursos naturais e a mineração adicionaram outros 7 mil.

Do ponto de vista do tamanho do negócio, a contribuição foi distribuída uniformemente, com as empresas empregando 50 a 499 trabalhadores adicionando 88 mil, as pequenas empresas contratando 62 mil e as grandes empresas crescendo em 54 mil.


Assuntos desta notícia