Clicky

MetaTrader 728×90

Acompanhe o comportamento dos principais índices dos mercados acionários globais na manhã desta terça-feira (17).

ÁSIA – Ao final, o índice Asia Dow ficou em queda de 0,12% a 3.601. O Hang Seng, Hong Kong, ficou em queda de 0,83% aos 30.062. O Xangai Composite ficou em queda de 1,41% aos 3.066. O índice Kospi, Coreia do Sul, ficou em queda de 0,15% aos 2.453 pontos. O índice FTSE Straits, Cingapura, ficou em alta de 0,03% aos 3.498. O índice Sensex, bolsa da Índia, ficou em alta de 0,27% aos 34.192. O índice Nikkei 225, bolsa de Tóquio, ficou em alta de 0,06% a 21.847. O índice XJO, bolsa de Sidney ficou estável aos 5.841. Na Ásia, as bolsas fecharam com perdas nesta terça-feira, com os investidores analisando os dados econômicos da China. Os mercados de ações chineses fecharam em baixa. O dólar é cotado a 107,04 ienes, recuando ante o valor de 107,15 ienes de ontem à tarde.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

EUROPA – Há pouco, o índice Stoxx Europe 600 estava em alta de 0,41%  aos 37927, em Londres; o FTSE-MIB (Milão) seguia em alta de 1,25% aos 23.620; o Ibex 35 (Madri) estava em alta de 0,34% aos 9.799; o DAX 30 (Frankfurt) seguia em alta de 0,80% aos 12.489; o FTSE-100 (Londres) seguia em alta de 0,10% a 7.205; o CAC 40 (Paris) seguia em alta de 0,44% aos 5.336; e o PSI-20 (Lisboa) seguia em queda de 0,30%  a 5.437. Na Europa, os mercados acinários operam no positivo. O euro ganhou força novamente. Operam também em alta a moeda inglesa, sustentada pelos dados mais fortes sobre o mercado de trabalho, divulgados hoje, reforçando as apostas de que o banco central inglês deverá subir os juros na reunião de política monetária em maio.

ESTADOS UNIDOS – O S&P (futuros) opera em alta de 0,58% aos 2.697. O Dow Jones (futuros) opera em alta de 0,84% aos 24.768. O Nasdaq (futuros) segue em alta de 0,64% aos 6.754. Os futuros de ações de Nova York operam em alta nesta manhã. O juro do T-Bond de 10 anos encontra-se em 2,839%, subindo em relação a 2,829% de ontem à tarde. O dólar não mostra tendência clara, nesta manhã, frente à cesta de moedas. John Williams, recém-nomeado vice-presidente do Fed de Nova York, pronunciará discurso em evento em Madri, Espanha. Na agenda, a divulgação da produção industrial de março, entre outros.

Commodities

O petróleo referência, Brent, segue em alta na bolsa de Futuros de Londres a 0,98% a US$73,22 o barril.

O petróleo WTI segue em alta de 0,06%, cotado a US$ 66,26 o barril na bolsa Mercantil de Futuros, Nova York.

O minério de ferro negociado no porto de Gingdao, China, ficou em alta de 0,91% a US$64,51 a tonelada seca e com 62% de pureza.

A celulose fibra longa negociada fechou US$1.124,70, alta de 2,52%, a tonelada na sessão anterior. A celulose fibra curta fechou em US$1.034,10 a tonelada, alta de 0,30%.

CENÁRIO INTERNO

BRASIL – A bolsa de valores de São Paulo deve acompanhar o desempenho externo na análise dos dados da China, que ficaram em linha com as previsões do mercado. No lado político, as atenções se voltam novamente para p STF, que decide se acata denúncia contra o senador Aécio Neves (PSDB), com sessão prevista para as 14h. A agenda doméstica está praticamente vazia.

AGENDA – Terça-feira

No Japão,  a Utilização da Capacidade. Produção Industrial. No Brasil, o IPC-FIPE. Na Europa, as Expectativas do ZEW e a Situação Atual da Alemanha. Nos Estados Unidos, Vendas e Preços de Imóveis, Permissões para Construir, Produção Industrial e Utilização da Capacidade. Novamente no Japão, à noite, a Balança Comercial.


Assuntos desta notícia

Join the Conversation