Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

Acompanhe o comportamento dos principais índices dos mercados acionários globais na manhã desta segunda-feira (07).

ÁSIA – Ao final, o índice Asia Dow ficou em alta de 0,17% a 3.569. O Hang Seng, Hong Kong, ficou em alta de 0,23% aos 29.994. O Xangai Composite ficou em alta de 1,48% aos 3.136. O índice FTSE Straits, Cingapura, ficou em queda de 0,35% aos 3.532. O índice Sensex, bolsa da Índia, ficou em queda de 0,53% aos 34.915. O índice Nikkei 225, bolsa de Tóquio, ficou em queda de 0,16% a 22.472. O índice XJO, bolsa de Sidney, ficou em alta de 0,36% a 6.084. Na Ásia, as bolsas de ações fecharam sem direção, com os investidores atentos para os preços das commodities, em especial o petróleo com o preço do WTI superando a barreira dos US$ 70,00 o barril, pela primeira vez desde 2014. O índice MSCI Asia Pacific fechou com alta de 0,10%. Na  China, as preocupações com as negociações comerciais com os Estados Unidos puxaram o Xangai a encerrar o dia com ganho de 1,48%. A bolsa japonesa foi na contramão da região, com o índice Nikkei fechando com queda marginal de 0,03%, prejudicado pelos fabricantes de chips e pelas seguradoras de vida. A agenda asiática estava vazia e a Coreia do Sul não está operando.

MetaTrader 300×250

EUROPA – Há pouco, o índice Stoxx Europe 600 seguia em alta de 0,33% a 388.31, em Londres; o FTSE-MIB (Milão) seguia em alta de 0,40% aos 24.432; o Ibex 35 (Madri) segue em alta de 0,29% aos 10.132; o DAX 30 (Frankfurt) seguia em alta de 0,58% aos 12.894; o CAC 40 (Paris) seguia em alta de 0,07% aos 5.519; e o PSI-20 (Lisboa) seguia em alta de 0,56%  a 5.518. Na Europa, bolsas de ações operam no azul, em dia de poucos indicadores e com o feriado no Reino Unido. O índice de ações pan-europeu, STOXX600, opera com alta de 0,26%, no momento. O euro troca de mãos a US$ 1,1931, recuando ante a cotação de US$ 1,1955 no fim da tarde de sexta-feira.

ESTADOS UNIDOS – O S&P (futuros) opera em alta de 0,27% aos 2.670. O Dow Jones (futuros) opera em alta de 0,26% aos 24.290. O Nasdaq (futuros) estava em alta de 0,51% aos 6.809. Os futuros estão em alta e devem puxar o desempenho no pregão desta segunda-feira, com agenda vazia e com declarações de vários membros do Fed. O dólar é destaque, subindo frente à maioria das moedas, diante dos dados de emprego, divulgados na sexta-feira. O preço do petróleo WTI segue acima dos US$70,00 o barril, em dia sem operações em Londres.

Commodities

O petróleo WTI segue em alta  de 1,23%, cotado a US$ 70,59 o barril na bolsa Mercantil de Futuros, Nova York.

O minério de ferro negociado no porto de Gingdao, China, ficou em alta de 1,48% a US$67,26 a tonelada seca e com 62% de pureza.

A celulose fibra longa negociada fechou US$1.132,40, alta de 0,20%, a tonelada na sessão anterior. A celulose fibra curta fechou em US$1.037,80 a tonelada, alta de 0,10%.

CENÁRIO INTERNO

BRASIL – A bolsa brasileira deve acompanhar os Estados Unidos, impulsionadas pela alta do petróleo e das commodities, como o minério de ferro. No mercado de câmbio, o real já está pressionado pela moeda americana ganhando força e com a economia ganhando força. A agenda brasileira está enfraquecida.

AGENDA – Segunda-feira

No Brasil, o Boletim Focus, a Produção Total de Veículos, a Balança Comercial. Na Zona do Euro, a Confiança do Investidor. Nos Estados Unidos, o Crédito ao Consumidor e discursos de membros do Fed.


Assuntos desta notícia