Clicky

MetaTrader 728×90

A bolsa de valores de São Paulo não conseguiu fôlego para avançar nesta quinta-feira, com o comportamento do índice principal volátil. A forte aversão ao risco pelos investidores se deu com o Federal Reserve, cenário político e instabilidade econômica.

Ao final, o Ibovespa ficou em queda de 0,97% aos 71.421 pontos. O volume financeiro ficou em R$11,23 bilhões.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

O desempenho desta quinta-feira foi marcado pela decisão do Federal Reserve, que elevou a taxa de juros dos Estados Unidos e prometeu mais dois aumentos ainda esse ano.

Para completar, os números da produção industrial chinesa China ficaram abaixo do estimado pelos mercados. Nem mesmo a decisão do Banco Popular da China em manter também a taxa de juros está conseguiu reverter a cautela dos mercados.

As notícias corporativas ficaram no radar, como e chegada do ex-presidente da Petrobras, Pedro Parente, na BRF, os ruídos sobre o negócio bilionário entre a Boeing e a Embraer e o edital de privatização das distribuidoras da Eletrobras que será publicado amanhã no Diário Oficial da União.

“A situação segue complicada para o mercado financeiro doméstico. Hoje, por exemplo, mesmo com as atuações do Banco Central o dólar foi o ativo interessante e acabou puxando o mercado de ações. Os bancos, que exercem peso no índice, seguiram com as perdas e, para atrapalhar, o Fed mexeu com os juros e foi duro no comunicado. Isso tudo faz o investidor partir para outros paraísos fiscais. Nós estamos no meio do ano, sem que votações relevantes para a economia, com a Copa do Mundo e já em agosto entrando no ponto crítico da campanha eleitoral. Outubro tem a eleição e o resto do ano é pra brigar com o resultado. Apenas notícias corporativas poderão animar o mercado de ações”, disparou o diretor da Codepe Investimentos, José Costa Gonçalves.

As ações com ganhos
BRF ON, alta de 3,32%; B2W Digital ON, alta de 4,90%; Cielo ON, alta de 5,14%; Magaz. Luiza ON, alta de 6,22%; e Suzano Papel ON, alta de 4,33.

As ações com perdas
Bradesco ON, queda de 5,13%; Bradesco PN, queda de 4,06%; Smiles ON, queda de 3,97%; Brasil ON, queda de 4,53%; e Ecorodovias ON, queda de 3,97%.

Entre as mais negociadas
Petrobras PN, queda de 0,46%; Vale ON, alta de 0,31%; ItauUnibanco PN, queda de 3,55%; Bradesco PN, queda de 4,06%; e Magaz. Luiza ON, alta de 6,22%.

Carteira Teórica

A Carteira Teórica do Índice Bovespa que vai vigorar de 07 de maio de 2018 a 31 de agosto de 2018 com os cinco ativos que apresentam o maior peso na composição do índice são: Vale ON (11,360%), Itauunibanco PN (10,436%), Bradesco PN (7,735%), Ambev S/A ON (7,056%) e Petrobras PN (6,674%).

Commodities

A Petrobras anunciou o preço do litro da gasolina e do diesel para esta sexta-feira (15). Para as distribuidoras e sem tributos, o preço da gasolina fica em R$1,9351 e o litro do diesel para R$2,0316.

O petróleo referência, Brent, ficou em queda de 0,04% aos US$73,88 o barril negociado na bolsa de Futuros de Londres.

O petróleo WTI ficou em alta de 0,54%, cotado a US$ 67,00 o barril na bolsa Mercantil de Futuros, Nova York.

O minério de ferro negociado no porto de Qingdao, China, ficou em alta de 2,19% a US$68,49 a tonelada seca e com 62% de pureza.

A celulose fibra longa negociada fechou US$1.199,40, alta de 1,14%, a tonelada. A celulose fibra curta fechou em US$1.050,00 a tonelada, alta de 0,02%.


Assuntos desta notícia

Join the Conversation