Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

Os mercados acionários globais operam sem direção nesta terça-feira, com a temporada de balanços financeiros, preços das commodities e indicadores, ressaltando as agendas fracas.

Por aqui, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central apresentou nesta manhã  a ata da reunião encerrada no dia 19, quando a autoridade cortou a taxa básica de juros em 0,25 p.p deixando a Selic aos 14% ao ano..

MetaTrader 300×250

No ata, a Copom justifica o corte, ainda considerado pequeno para alguns analistas, com o conjunto dos indicadores divulgados desde a última reunião do Copom sugere atividade econômica um pouco abaixo do esperado no curto prazo. Em particular, indicadores referentes a agosto.

A economia segue operando com alto nível de ociosidade dos fatores de produção, refletido nos índices de utilização da capacidade da indústria e, principalmente, na taxa de desemprego.

No seu conjunto, a evidência disponível é compatível com estabilização recente da economia brasileira. Índices de confiança, expectativas de crescimento do PIB para 2017 apuradas pela pesquisa Focus e o comportamento de prêmios de risco e preços de ativos apontam para uma possível retomada gradual da atividade econômica.

Já o Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) de 22 de outubro de 2016 registrou variação de 0,24%, 0,10 ponto percentual (p.p.) acima da taxa divulgada na última apuração. Cinco das sete capitais pesquisadas registraram acréscimo em suas taxas de variação. Os números são da FGV/IBRE e foram apresentados nesta terça-feira.

A expectativa mediana dos consumidores para a inflação nos 12 meses seguintes recuou 0,7 p.p em outubro, para 9,1%. O resultado confirma a trajetória de queda do indicador depois de atingir a máxima histórica em fevereiro passado (11,4%).

“No ano a expectativa de inflação dos consumidores para os próximos 12 meses já cedeu 2,3 p.p. Este resultado reflete três fatores: a queda do IPCA acumulado em 12 meses, de 10,7% em janeiro para 8,5% em setembro, a desaceleração dos preços de alimentos, que esse ano ocorre um pouco mais tarde e a  repercussão na mídia de que a inflação convergirá para a meta mais rápido que o esperado anteriormente”, afirma o economista Pedro Costa Ferreira, da FGV/IBRE.

Do lado político, ainda está sendo esperada para hoje a votação da PEC 241, que cria um teto para os gastos públicos.

Já na noite desta segunda-feira, o Plenário da Câmara dos Deputados rejeitou três destaques da oposição apresentados ao Projeto de Lei 4567/16, do Senado, que desobriga a Petrobras de ser operadora exclusiva do pré-sal no regime de partilha na exploração de petróleo. O texto principal foi aprovado no último dia 5.

Atualmente, a Petrobras tem de ser operadora exclusiva da exploração do pré-sal com participação de 30%. O operador é responsável pela condução e execução, direta ou indireta, de todas as atividades de exploração, avaliação, desenvolvimento, produção e desativação das instalações de exploração e produção.

Enquanto isso, do lado acionário, a Bovespa opera em queda de 0,61% aos 63.667 pontos.*

O dólar comercial segue em alta. Há pouco, a moeda estava cotada aos R$3,133 para a compra e R$3, 134 para a venda, alta de 0,45%.

ÁSIA

As bolsas asiáticas subiram nesta terça-feira, depois que os dados econômicos dos Estados Unidos mostraram recuperação e acabou gerando otimismo.

Entre os destaques estavam as empresas de Rockwell Collins Inc. para TD Ameritrade Holding Corp., que anunciaram um negócio de compra, elevando o otimismo nos mercados de ações. O índice Kospi, Coreia do Sul, recuou ante a preocupação de que a China está a tentando reduzir o número de visitantes para a nação.

O Hynix Inc., fornecedor de chips de memória para a Apple Inc., ganhou 2,2%, em Seul, depois que o lucro superou as projeções.

Em Taiwan, a fabricante Semiconductor Manufacturing Co., outro fornecedor para a Apple, subiu 1,1%, em Taipei. As expectativas são para os resultados financeiros da Apple que serão anunciados hoje.

O Índice MSCI Asia Pacific subiu 0,4% para 140,49, em Hong Kong, e o Han Seng ficou em queda de 0,17% aos 23.565 pontos. O índice SSE Composite, bolsa de Xangai, ficou em alta de 1,21% aos 3.131 pontos. Na Coreia do Sul, o Kospi ficou em queda de 0,52% a 2.037 pontos. Na Índia, o índice BSE Sensex , bolsa de Bombai, ficou em queda de 0,31% aos 28.091 pontos. Em Tóquio, o Nikkei 225 ficou em alta de 0,76% aos 17.365 pontos. O índice Topix, Japão. subiu 0,7% com o iene perdendo força para o dólar.

Ontem, o presidente do Fed de St. Louis, James Bullard, voltou a afirmar que dezembro é “mais provável” para um aumento da taxa de juros dos Estados Unidos, com a economia dando sinais de fortalecimento.

EUROPA

As Bolsas da Europa operam com ganhos nesta terça-feira, com as empresas de commodities e também com os resultados financeiros.

As ações das mineradoras estão puxando o Índice Stoxx Europe 600, que avança para o maior nível em 14 meses.

Entre as ações com ganhos estavam as da Anglo American Plc e Antofagasta Plc, quase 3%, acompanhando um rali nos preços dos metais e com os indicadores mostrando que a economia global está se fortalecendo.

Os indicadores da China estão no radar com o temor de desaceleração na China, um dos principais parceiros comerciais da Europa.

Perto  do fechamento, em Londres, o índice Stoxx Europe 600 subia 0,12% aos 344,61 pontos. Em Milão, o índice FTSE-MIB caía 0,22% aos 17.268 pontos. Em Madri, o índice Ibex 35 recuava  0,45% aos 9.174 pontos. Em Frankfurt, o índice DAX 30 estava em alta de 0,34% aos 10.797 pontos. Em Paris, o índice CAC 40 estava em alta de 0,07% aos 4.555 pontos. Em Londres, o índice FTSE-100 subia 0,42% aos 7.015 pontos. E, em Lisboa, o índice PSI-20 caía 0,47% aos 4.718 pontos.

O sentimento do empresário da Alemanha subiu para o nível mais alto em mais de dois anos em outubro, sinalizando ritmo de crescimento renovado na maior economia da Europa. O índice de clima de negócios do instituto Ifo, de Munique subiu para 110,5 de 109,5 em setembro.

ESTADOS UNIDOS

Os índices futuros em Wall Street operam no vermelho nesta terça-feira, com a expectativa para divulgações de gigantes, como a Apple e bancos. A campanha presidencial ganha força com o início das votações em algumas regiões.

Há pouco, o Dow Jones 30 estava em queda de 0,06% aos 18.212 pontos; o S&P estava em queda de 0,11% 2.148 pontos; o Nasdaq estava em queda de 0,06% aos 5.306 pontos.

Nos Estados Unidos, a agenda está vazia nesta sessão.

Commodities

O preço do petróleo do Texas (WTI, leve) para entrega em dezembro abriu nesta terça-feira em baixa de 0,40%, cotado a US$ 50,32 o barril na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex)

O barril de petróleo Brent para entrega em dezembro abriu nesta terça-feira no mercado de futuros de Londres cotado a US$ 51,41, baixa de 0,09% frente ao fechamento da sessão anterior.

O minério de ferro negociado no porto de Qingdao ficou em alta de 4,52% aos US$61,96 a tonelada seca.

*Informações completas no BOLETIM DE FECHAMENTO

 


Assuntos desta notícia