Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

JERUSALÉM, 6 Dez (Reuters) – O primeiro-ministro israelense,
Benjamin Netanyahu, saudou nesta quarta-feira a decisão do
presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de reconhecer
Jerusalém como a capital de Israel e transferir a embaixada dos
EUA para a cidade como um "marco histórico".
Em um discurso em Washington, Trump disse que seu anúncio
marcou o início de uma nova abordagem para o conflito entre
Israel e palestinos.
Netanyahu, em uma mensagem de vídeo pré-gravada, afirmou que
qualquer acordo de paz com os palestinos precisa incluir
Jerusalém como a capital de Israel e exortou outros países a
seguirem a liderança dos EUA, transferindo também suas
embaixadas para a cidade.
(Por Ori Lewis)
((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447765))
REUTERS TR AC


Assuntos desta notícia

Join the Conversation