Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

Por MacDonald Dzirutwe

HARARE (Reuters) – O ex-vice-presidente do Zimbábue Emmerson Mnangagwa tomará posse como presidente do país na sexta-feira, após a renúncia de Robert Mugabe que pôs fim a quase quatro décadas no poder, afirmou a emissora estatal ZBC nesta quarta-feira.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Mnangagwa, que fugiu do país por temer por sua segurança depois que Mugabe o demitiu há duas semanas, aterrissará na base aérea de Manyame, em Harare, nesta quarta-feira, às 18h (14h, no horário de Brasília), disse a ZBC. A demissão de Mnangagwa levou o Exército a tomar o poder, retirando Mugabe do cargo.

A queda de Mugabe foi repentina para um homem antes festejado em toda a África como um herói libertador por conduzir sua nação à independência do Reino Unido em 1980 após uma guerra.

O líder de 93 anos se aferrou ao poder durante uma semana após o levante militar, mesmo sendo exortado por seu próprio partido, o Zanu-PF, a sair. Ele finalmente renunciou momentos depois de o Parlamento iniciar um processo de impeachment visto como a única via legal para forçá-lo a sair.

Pessoas dançaram e carros tocaram buzinas nas ruas de Harare após a notícia de que a era Mugabe finalmente terminou. Algumas pessoas exibiam pôsteres de Mnangagwa e do chefe do Exército, general Constantino Chiwenga.
2017-11-22T112852Z_1_LYNXMPEDAL0S6_RTROPTP_1_ZIMBABWE-POLITICS-MNANGAGWA.JPG urn:newsml:onlinereport.com:20171122:nRTROPT20171122112852LYNXMPEDAL0S6 Ex-vice-presidente do Zimbábue Emmerson Mnangagwa sorri na sede do partido, em Harare OLBRTOPNEWS Reuters Brazil Online Report Top News 20171122T102129+0000 20171122T112852+0000


Assuntos desta notícia