Clicky

MetaTrader 728×90

Por Nidal al-Mughrabi e Nadine Awadalla
GAZA/CAIRO, 22 Nov (Reuters) – Facções palestinas, incluindo
os grupos rivais Hamas e Fatah, concordaram em realizar uma
eleição geral até o final de 2018, segundo comunicado conjunto
de diversos grupos nesta quarta-feira após conversas no Cairo.
O Hamas e o Fatah assinaram um acordo de reconciliação em
outubro em conversas apoiadas pelo Cairo após o Hamas concordar
em entregar controle administrativo de Gaza, incluindo a
importante travessia fronteiriça de Rafah, uma década após tomar
o enclave em uma guerra civil.
Os grupos palestinos no Cairo disseram que irão deixar para
o presidente palestino, Mahmoud Abbas, a escolha de uma data
final para a eleição geral.
O partido Fatah, apoiado pelo Ocidente, perdeu controle de
Gaza para o Hamas, considerado um grupo terrorista por muitos no
Ocidente e por Israel, em confronto em 2007. No mês passado, no
entanto, o Hamas concordou em ceder poderes em Gaza para o
governo de Abbas, apoiado pelo Fatah, em um acordo mediado pelo
Egito.
Salah al-Bardaweel, uma autoridade do Hamas envolvida nas
conversas, chamou o acordo desta quarta-feira de "vago" e
expressou preocupação de o acordo ser incapaz de prosseguir em
questões importantes, como suspender sanções impostas por Abbas
e assegurar abertura total da travessia entre Gaza e Egito.
As conversas também fracassaram em abordar responsabilidades
de segurança em Gaza, que até o momento permanecem nas mãos dos
serviços de segurança apoiados pelo Hamas.
((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447765))
REUTERS TR


Assuntos desta notícia