Clicky

MetaTrader 728×90

SÃO PAULO, 8 Dez (Reuters) – A comercialização antecipada da
safra de soja 2017/18 do Brasil, que será colhida no próximo
verão, atingiu até esta sexta-feira 26,7 por cento da produção
projetada, de acordo com estimativa da consultoria Safras &
Mercado, abaixo da média histórica de 33 por cento para o
período.
Há cerca de um mês, os negócios antecipados estavam em 19,1
por cento, e esse avanço de 7,6 pontos percentuais ocorre em
meio a uma melhora nos preços internos.
De acordo com o Centro de Estudos Avançados em Economia
Aplicada (Cepea), os preços da soja em novembro alcançaram a
segunda maior média do ano e o dólar foi cotado nos maiores
níveis de 2017.
Segundo a Safras, há um ano a comercialização envolvia 28
por cento da safra 2016/17.
De acordo com a consultoria, o total de soja 2017/18 já
negociado é de 30,575 milhões de toneladas, tendo por base uma
produção do país estimada em 114,706 milhões de toneladas.
Maior produtor nacional, Mato Grosso tinha até esta
sexta-feira 32 por cento de sua safra comercializada
antecipadamente. Rio Grande do Sul e Paraná, por sua vez, 15 e
20 por cento, respectivamente, informou a Safras.

(Por José Roberto Gomes; Edição de Roberto Samora)
(([email protected]; 55 11 5644 7762; Reuters
Messaging: [email protected]))

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia