Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

SÃO PAULO, 15 Set (Reuters) – A companhia brasileira de
loteamentos Urbplan Desenvolvimento Urbano, controlada por
veículos de investimentos do fundo de private equity
norte-americano Carlyle Group LP , designou a especialista
em reformulações Ivix Value Creation para ajudá-la a reverter
processos judiciais de clientes e evitar um pedido de
recuperação judicial.
A empresa sediada em São Paulo nomeou Alberto Tepedino,
sócio da Ivix, como presidente-executivo e nomeou outro sócio,
Nelson Bastos, para uma importante posição de aconselhamento,
disseram Tepedino e Bastos.
O movimento busca ajudar a Urbplan a evitar a reestruturação
de um conjunto de títulos lastreados por ativos e crédito
avaliados em 450 milhões de reais e se recuperar de um período
de fraca atividade imobiliária, disseram.
Sua primeira tarefa será reviver a confiança entre os
credores de que a Urbplan vai pagá-los, disseram eles à Reuters
na quarta-feira.
"Não estamos aqui para realizar uma autópsia da empresa, o
que significa que faremos o que for necessário para evitar um
pedido de recuperação judicial da Urbplan", disse Bastos.
A Urbplan não quis comentar.
Os credores têm questionado cada vez mais a reformulação da
Urbplan conduzida pelo Carlyle há três anos, dizendo que a
administração nomeada pelo gigante de private equity levou anos
para enfrentar o aumento da inadimplência dos clientes e reduzir
o crescimento rápido da dívida, informou a Reuters em fevereiro.
A Urbplan, que desenvolve lotes residenciais ao colocar
infraestrutura básica, é alvo de mais de 2.000 processos em todo
o país. A maioria deles vem de clientes que querem que suas
compras de terras sejam anuladas, dizendo que a Urbplan
interrompeu o trabalho durante uma disputa de acionistas que
durou anos.
Sob o controle do Carlyle, a Urbplan embarcou numa expansão
ambiciosa financiada por dívida, muitas vezes em conflito com as
complexas regras de desenvolvimento urbano locais. Entre 2007 e
2012, a Urbplan levantou cerca de 700 milhões de reais com a
venda de títulos lastreados por recebíveis imobiliários.
A rixa entre os credores da Carlyle e da Urbplan aumentou
desde então, mesmo depois que os veículos de investimento da
empresa de private equity, clientes e coinvestidores injetaram
novos fundos e proporcionaram recursos adicionais à companhia.
O Carlyle não comentou imediatamente, mas anteriormente já
defendeu suas ações e disse que a Urbplan concluiu amplamente os
projetos pendentes, graças ao seu investimento.
A situação destaca os riscos que as empresas de private
equity enfrentam no Brasil, um país de ambientes legislativo e
de negócios instáveis, que ainda está enfrentando as
consequências de uma longa e dura recessão.
A Ivix tem ajudado clientes – a maioria deles empresas de
capital fechado com dívidas crescentes e problemas jurídicos – a
reestruturar mais de 10 bilhões de reais desde que foi fundada
em maio de 2011. Os sócios da empresa substituirão um grupo de
executivos nomeados pela Carlyle.
A queda na taxa Selic pode aliviar o alto custo da dívida da
Urbplan, avalia Tepedino. Porém, sinais de recuperação muito
tímida em loteamentos vão certamente reduzir o estoque
indesejado de cerca de 3.500 lotes de terra.
(Por Guillermo Parra-Bernal)
((Tradução Redação São Paulo 56447764))
REUTERS NS RBS


Assuntos desta notícia

Join the Conversation