Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

A chuva torrencial que castigou nesta quinta-feira partes do Reino Unido, especialmente Londres e o sul do país, obrigou o fechamento de vários colégios eleitorais da capital, assim como a mudança de endereço de alguns que ficaram inundados, dificultado o acesso às urnas no dia do histórico referendo europeu.

A circunscrição de Kingston upon Thames, no sudoeste de Londres, teve que transferir para outros lugares dois colégios eleitorais afetados pelos fortes chuvas, segundo informaram a imprensa local.

Chart Trading 300×250

Concretamente, nessa área, os colégios de Devon Way em Chessington e o de Shirza Mirza em New Malden tiveram que ser realocados, enquanto outros continuam tendo um acesso complicado pelas condições meteorológicas.

Segundo apontaram alguns residentes do leste de Londres, hoje foi difícil depositar o voto nos colégios de Barking e Newham ao estarem em áreas cheias de água.

Em Newham, dois colégios abriram suas portas mais tarde por causa das alterações sofridas na cidade para chegar até o local de votação pelas inundações.

Outro centro eleitoral em Tower Hamlets (sul de Londres) e outro em Redbridge, ao nordeste da cidade, sofreram também com os efeitos da água, enquanto as Prefeitura de Barking e Dagenham, ao leste, se desculparam por ter de fechar um colégio após o rompimento de um encanamento de água.

Por sua vez, o Serviço de Bombeiros de Londres atendeu hoje mais de 550 chamadas de emergência relacionadas com a forte chuva ao mesmo tempo que também teve que intervir em mais de 400 locais por conta da tempestade.

De fato, a brigada anti-incêndio afirmou que ainda continua trabalhando em incidentes causados pelas chuvas em Londres, sendo o leste da capital a zona mais afetada da cidade.

“O elevado volume de chamadas de emergência relacionadas com a meteorologia recebidas entre 0h30 e 5h30 horas da madrugada é quase duas vezes maior do que o total de todas as chamadas feitas ao 999 -número de emergência- com as quais nossos agentes de controle lidam em um dia normal”, disse um porta-voz do corpo.

As fortes chuvas estão marcando o dia do referendo europeu no qual 46,5 milhões de eleitores foram chamados às urnas para responder se “O Reino Unido deveria permanecer como membro da União Europeia ou abandonar a União Europeia?”.

Espera-se que os resultados sejam divulgados na madrugada de sexta-feira (no Reino Unido), e não há previstas pesquisas de boca de urna.

Muitos usuários postaram também fotografias nas redes sociais nas quais foram vistas intermináveis filas de cidadãos esperando sob a chuva para votar.

As imagens divulgadas nas redes mostram longas filas de pessoas aguardando pacientemente aos arredores dos colégios, situados em igrejas, escolas de primária e shoppings.

Com Ag.EFE


Assuntos desta notícia