Clicky

MetaTrader 728×90

CHICAGO, 11 Mai (Reuters) – Os contratos futuros da soja
negociados na Bolsa de Chicago caíram para o menor nível em um
mês nesta sexta-feira, por uma mistura de vendas técnicas antes
do fim de semana e incertezas sobre como disputas comerciais
podem afetar as exportações dos Estados Unidos, disseram
analistas.
O trigo e o milho também caíram, pressionados por
liquidações de posições compradas e dados baixistas nos
relatórios de oferta e demanda do Departamento de Agricultura
dos EUA (USDA, na sigla em inglês) na quinta-feira.
O contrato julho da soja encerrou em baixa de 18
centavos de dólar, a 10,0325 dólares o bushel, depois de cair a
10,02 dólares, a mínima do contrato desde 4 de abril.
O milho para julho terminou em queda de 5,50 centavos
de dólar, a 3,9650 dólares o bushel, ficando abaixo do suporte
psicológico da marca de 4 dólares. Já o contrato julho do trigo
vermelho de inverno na mesma bolsa teve perda de 7,75
centavos de dólar, para 4,9875 dólares o bushel, caindo abaixo
dos 5 dólares pela primeira vez em duas semanas.
A soja caiu conforme operadores abandonaram posições
compradas antes do fim de semana.
"As sextas-feiras são 'vermelha' porque fundos de hedge não
querem carregar suas posições durante o fim de semana", disse
Roy Huckabay, analista da Linn & Associates.
(Por Julie Ingwersen; Reportagem adicional por Gus Trompiz e
Naveen Thukral)
((Tradução Redação São Paulo, +5511 5644 7721))
REUTERS IM LC


Assuntos desta notícia