Clicky

MetaTrader 728×90

Nos primeiros 10 meses de 2017, as vendas de cimento no mercado interno totalizaram 45,2 milhões de toneladas, de acordo com dados preliminares da indústria. Esse montante representa uma queda de 6,7% frente ao mesmo período do ano passado. Em 12 meses, as vendas acumuladas totalizaram 54,2 milhões de toneladas, quantidade 6,4% menor do que nos 12 meses anteriores (nov/15 a out/16). No mês de outubro de 2017, foram vendidas 4,6 milhões de toneladas, o que representa uma queda de 0,5% em relação a outubro de 2016.

Na comparação por dia útil – melhor indicador da indústria por considerar o número de dias trabalhados, que tem forte influência no consumo de cimento – as vendas do produto no mercado interno em outubro apresentaram redução de 2,6% em comparação a outubro de 2016 e 6,6% em relação a setembro de 2017.

MetaTrader 300×250

O presidente do Sindicato Nacional da Indústria do Cimento (SNIC), Paulo Camillo Penna, disse que os resultados das vendas de outubro continuam mantendo o ritmo de redução da queda apresentado nos meses de agosto e setembro. “Se compararmos o fechamento do ano de 2016, quando tivemos queda de 11,7% nas vendas internas, com o acumulado até o mês de outubro de 2017, atingimos um ganho de 5 pontos percentuais. Com isso, os resultados finais para o ano de 2017 devem registrar uma retração em torno de 6%, percentual que está em linha com as nossas projeções, quase metade da queda ocorrida em 2016”.

Consumo aparente e importação

O consumo aparente de cimento (vendas no mercado interno + importações) totalizou 4,6 milhões de toneladas em outubro, com retração de 0,3% em relação ao mesmo mês do ano anterior.

Na comparação do acumulado nos últimos 12 meses (novembro/16 a outubro/17) a queda registrada no consumo aparente atingiu 6,2% sobre igual período anterior (novembro/15 a outubro/16).


Assuntos desta notícia

Join the Conversation