Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

BRASÍLIA, 22 Nov (Reuters) – A proposta desidratada para
reforma da Previdência que será colocada em votação na Câmara
dos Deputados prevê tempo mínimo de contribuição de 15 anos,
após os quais os contribuintes poderão receber 60 por cento da
aposentadoria, afirmou nesta quarta-feira o ministro da Fazenda,
Henrique Meirelles.
Para receber 100 por cento do benefício, os trabalhadores
terão que contribuir por 40 anos, acrescentou o ministro. Na
proposta aprovada em comissão especial da Câmara dos Deputados,
o tempo mínimo de contribuição era de 25 anos, que garantiam 70
por cento da aposentadoria.

(Por Marcela Ayres; Edição de Patrícia Duarte)
(([email protected]; 5561-3426-7021; Reuters
Messaging: [email protected]))

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia