Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

Por Alex Lawler
LONDRES, 15 Fev (Reuters) – Os preços do petróleo tinham
leves variações nesta quinta-feira, perto de 65 dólares por
barril, sustentados pelo dólar fraco e pelo comentário da Arábia
Saudita sobre preferir o mercado apertado a um fim precoce do
pacto liderado pela Organização dos Países Exportadores de
Petróleo (Opep) para enxugar o excesso de oferta.
O petróleo Brent recuava 0,02 dólar, ou 0,03 por
cento, a 64,34 dólares por barril, às 9:12 (horário de
Brasília). O petróleo dos Estados Unidos avançava 0,26
dólar, ou 0,43 por cento, a 60,86 dólares por barril.
Na quarta-feira, o ministro de Energia da Arábia Saudita,
Khalid al-Falih, disse que a Opep faria melhor em deixar o
mercado apertado do que acabar antes da hora com o acordo sobre
cortes de produção. A Arábia Saudita é o maior produtor da Opep.
"Khalid al-Falih deu a mais forte indicação de que sair do
atual acordo provavelmente não estará na agenda neste ano",
afirmou Tamas Varga, da corretora de petróleo PVM.
O petróleo também avança dado o dólar mais fraco, caindo
para a mínimo de 15 meses contra o iene. A moeda norte-americana
enfraquecida torna o petróleo e outros produtos denominados em
dólar mais baratos para os detentores de outras moedas, o que
potencialmente aumenta a demanda.
"Parece que a Al-Falih sentiu que este comentário era
necessário para estabilizar os preços do petróleo", disse o
analista do Commerzbank, Carsten Fritsch.
(Reportagem adiciona de Henning Gloystein)
((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447765))
REUTERS JRG PD


Assuntos desta notícia

Join the Conversation