Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

Por Shadia Nasralla
LONDRES, 1 Jun (Reuters) – A diferença entre os contratos
futuros do Brent e do petróleo dos Estados Unidos atingiu seu
maior patamar em três anos nesta sexta-feira, com a segunda
queda semanal consecutiva para o petróleo dos EUA, conforme a
produção norte-americana se aproxima da Rússia.
O petróleo Brent subia 0,14 dólar, ou 0,18 por
cento, a 77,7 dólares por barril, às 8:49 (horário de Brasília).
O petróleo dos Estados Unidos caía 0,43 dólar, ou 0,64
por cento, a 66,61 dólares por barril.
A produção de petróleo dos EUA vem subindo para níveis
recordes desde o final de 2017. Em março, saltou 215 mil barris
por dia para 10,47 milhões de barris por dia, um novo recorde
mensal, informou a Administração de Informações sobre Energia
(AIE) na véspera.
Na semana, o petróleo dos EUA caminha para uma queda de 2,1
por cento, somando-se à perda de quase 5 por cento na semana
anterior e diminuindo a queda de 3,6 milhões de barris nos
estoques de petróleo dos EUA na semana passada.
O Brent deve subir 1,8 por cento na semana, ampliando a
diferença entre os dois índices.
Fontes disseram à Reuters na semana passada que a Arábia
Saudita, líder efetivo da Organização de Países Exportadores de
Petróleo (Opep), e Rússia estão discutindo impulsionar a
produção em cerca de 1 milhão de barris por dia para compensar
as perdas na oferta da Venezuela e lidar com as preocupações
sobre o impacto das sanções norte-americanas na produção
iraniana.

(Por Shadia Nasralla)
((Tradução Redação São Paulo; +55 11 56447509))
REUTERS TH ID

MetaTrader 300×250

<^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Brent soars, others lag https://reut.rs/2JmAsvJ
Russia vs Saudi vs U.S. oil production https://reut.rs/2J1fC51
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^>


Assuntos desta notícia