Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

LONDRES, 17 Jan (Thomson Reuters Foundation) – As mulheres
no Reino Unido ganham quase 140 bilhões de libras (cerca de 195
bilhões de dólares) por ano menos do que os homens.
Os homens que trabalham em tempo integral ganham uma média
de 39 mil libras, cerca de um terço mais do que os 15 milhões de
mulheres britânicas que trabalham em tempo integral, que ganham
quase 30 mil libras, segundo dados do governo.
"Sem uma ação, as jovens mulheres de hoje têm pela frente
uma vida de salário desigual", disse Carole Easton, chefe do
grupo antipobreza Young Women's Trust, que produziu a cifra de
defasagem salarial das mulheres, em um comunicado.
Ela acrescentou que a diferença salarial aumenta quando o
trabalho em tempo parcial é levado em consideração.
O Reino Unido foi um dos primeiros países a introduzir uma
lei em 2017, exigindo que empresas com pelo menos 250
trabalhadores –que cobrem quase metade da força de trabalho do
país– relatem discrepâncias salariais entre funcionários
masculinos e femininos.
O governo também está investindo em cuidados infantis
gratuitos e introduzindo licença parental compartilhada em uma
campanha para promover a igualdade de gênero no local de
trabalho.
Como em muitos outros países, a desigualdade salarial
baseada no gênero tem sido um problema persistente no Reino
Unido, apesar da proibição de discriminação sexual na década de
1970.
(Por Lee Mannion)
((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447702))
REUTERS AC ES


Assuntos desta notícia