Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

SÃO PAULO, 10 Out (Reuters) – A liquidação financeira das
operações do mercado de curto prazo de energia referentes a
agosto, concluída nesta terça-feira, arrecadou apenas 2,54
bilhões de reais, dentre 6,82 bilhões de reais em cobranças
efetuadas junto aos agentes do setor, informou a Câmara de
Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).
A operação, que promove pagamentos e recebimentos entre as
empresas que atuam no mercado de eletricidade, tem registrado
elevados valores em aberto desde meados de 2015, em meio a uma
longa guerra judicial de um grupo de empresas para evitar perdas
com uma menor geração hidrelétrica devido à falta de água nos
reservatórios.
Nas operações de agosto, cerca de 3,72 bilhões de reais não
foram pagos devido a liminares obtidas pelas empresas que as
desobrigam de quitar débitos na liquidação.
Outros 560 milhões de reais representam inadimplência de
agentes do mercado por outros motivos, disse a CCEE, sem
especificar.
A CCEE disse, em nota, que "permanece aberta ao diálogo com
os agentes e instituições do setor para encontrar uma solução de
consenso para a judicialização no mercado".
Atualmente, o governo federal tem falado em promover um
acordo para acabar com a disputa judicial nas liquidações
realizadas pela CCEE, o que aconteceria por meio de regras a
serem estabelecidas em uma medida provisória que deve ser
publicada ainda neste mês.
Na liquidação financeira do mercado de curto prazo de
eletricidade de julho, concluída em setembro, a CCEE arrecadou
apenas 1,48 bilhão de reais, de 4,43 bilhões em cobranças.

(Por Luciano Costa; Edição de Maria Pia Palermo)
(([email protected]; 5511 5644 7519;
Reuters Messaging: [email protected]
– Twitter: @AnaliseEnergia))

Chart Trading 300×250

Assuntos desta notícia

Join the Conversation