Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

Acompanhe o comportamento dos principais índices dos mercados acionários globais na manhã desta quinta-feira (09).

ÁSIA – O índice Asia Dow ficou em alta de 0,10% aos 3.633. O Hang Seng, Hong Kong, ficou em alta de 0,79% aos 29.136. O Xangai Composite ficou em alta de 0,36% aos 3.427. O índice Kospi, Coreia do Sul, fechou em queda de 0,07% aos 2.550 pontos. O índice FTSE Straits, Singapura, ficou em alta de 0,08% aos 3.423. O índice Nikkei 225 ficou em queda de 0,20% aos 22.868. As bolsas fecharam no azul nesta quinta-feira, com o índice MSCI Ásia Pacífico alcançando nova máxima histórica, porém recuando no fim do pregão com realização de lucro, em especial no Japão, e terminando com variação próxima de zero. O presidente Donald Trump fez um discurso na China dizendo que esse país tirou muita vantagem dos trabalhadores e empresas americanos, mas acusando administrações americanas passadas por isso, e não os chineses. O iene está se valorizando contra o dólar, +0,35%, cotado a ¥/US$ 113,48, enquanto o yuan está se depreciando -0,22%, cotado a 6,6425.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

EUROPA – Há pouco, o índice Stoxx Europe 600 seguia em queda de 0,56% aos 392.24, em Londres; o FTSE-MIB (Milão) estava em queda de 0,21% aos 22.780; o Ibex 35 (Madri) estava em queda de 0,55% aos 10.171; o DAX 30 (Frankfurt) estava em queda de 0,71% aos 13.288; o FTSE-100 (Londres) seguia em queda de 0,26% aos 7.509; o CAC 40 (Paris) seguia em queda de 0,57% aos 5.440 pontos; e o PSI-20 (Lisboa) estava em alta de 0,92% aos 5.378. Na Europa, mercados de ações operam sem direção única, muito próximos da estabilidade, seguindo resultados de empresas de cada país. O euro está se valorizando contra o dólar, +0,07%, cotado a 1,1604.

ESTADOS UNIDOS – O S&P (futuros) opera em queda de 0,28% aos 2.583; o Dow Jones (futuros) opera em queda de 0,25% aos 23.433; e o Nasdaq (futuros) segue em queda de 0,32% aos 6.321. Os juros futuros americanos estão em ligeira queda, com o yield da Treasury de 10 anos a 2,315% a.a.. O dólar está perdendo valor contra as moedas de países desenvolvidos (índice DXY recuando -0,05%), porém está ganhando valor contra algumas moedas de países emergentes. O índice futuro do S&P500 está recuando -0,19%.

Commodities

O petróleo referência, Brent, segue em queda na bolsa de Futuros de Londres em 0,02% aos US$64,66 o barril.

O petróleo WTI segue em alta de 0,32%, cotado a US$ 56,99 o barril na bolsa Mercantil de Futuros, Nova York.

O minério de ferro negociado no porto de Gingdao, China, fechou em queda de 0,10% aos US$62,32 a tonelada seca e com 62% de pureza.

A celulose fibra longa negociada fechou US$951,68, alta de 3,43%, a tonelada na sessão anterior. A celulose fibra curta fechou em US$937,67 e alta de 1,50%, a tonelada.

CENÁRIO INTERNO

BRASIL – A bolsa de valores deve operar com ganhos nesta quinta-feira, com o governo tentando amarrar com as lideranças reforma da Previdência, que passou a ser um dos drivers do mercado, segundo analistas. Hoje, em dia de agenda vazia, os ativos brasileiros podem se valorizar. O real deve se apreciar contra o dólar, a bolsa deve subir e os juros futuros devem recuar, em especial a parte mais longa da curva.

AGENDA – Quinta-feira
No Brasil, o IBGE apresenta o Levantamento de Produção Agrícola. Nos Estados Unidos, os Pedidos de Auxílio Desemprego, Estoques no Atacado e o Relatório de Demanda e Oferta Agrícolas.


Assuntos desta notícia