Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

SÃO PAULO, 30 Nov (Reuters) – As importações de etanol
anidro pelo Brasil em outubro registraram queda acentuada de
cerca de 18 por cento ante o mês anterior, para 573,4 mil
barris, informou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e
Biocombustíveis (ANP) em dados publicados nesta quinta-feira.
Em setembro, o Brasil havia importado 691 mil barris.
A queda ocorre após o Brasil estabelecer limites para o
etanol importado, que visaram restringir compras externas que
cresciam mais de 300 por cento.
A decisão do governo atendeu a pedido da indústria local,
que vinha perdendo mercado para o biocombustível produzido nos
Estados Unidos.
As importações de etanol sem tarifa foram limitadas a 150
milhões de litros por trimestre. A tarifa, válida por um período
de 24 meses, é de 20 por cento.
No entanto, o total importado em outubro ainda supera o
volume registrado no mesmo período do ano passado (452,7 mil
barris).
No acumulado do ano até outubro, as importações ainda
sustentam uma alta de 305 por cento, informou a ANP.

(Por Laís Martins; edição de Roberto Samora)
(([email protected]; +55 11 5644 7751; Reuters
Messaging: [email protected]))

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Assuntos desta notícia