Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

Por Minami Funakoshi e Junko Fujita
26 Jan (Reuters) – A Fujitsu disse nesta
sexta-feira que estava em negociações sobre a venda de seu
negócio de telefonia móvel para o fundo de investimento do
Polaris Capital Group, tornando-se a mais recente fabricante
japonesa de eletrônicos a se retirar do setor.
A venda, se realizada, deixaria apenas três fabricantes
japoneses de eletrônicos – Sony , Sharp e
Kyocera – em um mercado global dominado pela Apple
, Samsung Electronic e rivais chineses mais
baratos.
O potencial acordo exige que o Polaris Capital, com sede em
Tóquio, ocupe uma participação majoritária na unidade de
telefonia móvel da Fujitsu, que é avaliada em cerca de 40 a 50
bilhões de ienes (365 a 456 milhões de dólares), disse uma
pessoa familiarizada com o negócio.
O tamanho da participação ainda está em negociação, disse a
fonte, que pediu para não ser identificada já que as discussões
eram confidenciais.
Espera-se por um acordo oficial até o final do mês, disse o
jornal Nikkei.
A Fujitsu disse em uma declaração que nenhuma decisão foi
tomada e um representante se recusou a comentar sobre a grande
participação em negociação.
Em todo o ano de 2000, havia mais de dez grandes empresas
japonesa que produziam telefones com flip tradicionais,
incluindo a NEC e a Toshiba .
Mas a maioria já se retirou do negócio, depois de serem
impactadas pelo crescimento meteórico da Apple e da Samsung.

(Por Minami Funakoshi e Junko Fujita)
((Tradução Redação São Paulo; +55 11 56447745))
REUTERS TH LG

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia