Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

Por Lindsay Dunsmuir
WASHINGTON, 2 Mai (Reuters) – O Federal Reserve deve manter
a taxa de juros nesta quarta-feira mas provavelmente incentivará
ainda mais as expectativas de que elevará os custos dos
empréstimos em junho, devido à aceleração da inflação e ao
desemprego baixo.
Os investidores avaliaram como baixa a possibilidade de um
aumento dos juros no final da reunião de política monetária de
dois dias do banco central norte-americano, particularmente
devido à sua adesão nos últimos anos a apenas elevar os juros em
reuniões que são seguidas por entrevistas à imprensa.
O Fed anunciará sua decisão às 15h (horário de Brasília). O
chairman do Fed, Jerome Powell, não falará à imprensa.
O Fed aumentou sua taxa básica de juros na reunião de 20 e
21 de março em 0,25 ponto percentual, para um intervalo entre
1,50 e 1,75 por cento.
Atualmente, o banco central prevê outros dois aumentos dos
juros este ano, embora um número crescente de autoridades
monetárias veja três altas como uma possibilidade. A próxima
reunião de política monetária do Fed está programada para 12 e
13 de junho. Os investidores veem em sua maioria uma alta dos
juros no mês que vem.
O ritmo dos aumentos dois juros acelerou desde que o banco
central iniciou seu ciclo de aperto em dezembro de 2015. O Fed
aumentou os juros uma vez em 2016, mas elevou os custos dos
empréstimos três vezes no ano passado em meio ao fortalecimento
da economia.
O desemprego está na mínima de 17 anos de 4,1 por cento e a
expectativa é de que os cortes de impostos e o estímulo fiscal
do governo de Donald Trump estimulem ainda mais a economia.

(Por Lindsay Dunsmuir)
((Tradução Redação São Paulo; +55 11 56447509))
REUTERS TH CMO

MetaTrader 300×250

<^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Graphic on Fed targets: https://tmsnrt.rs/2vXUR4J
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^>


Assuntos desta notícia