Clicky

Profitchart Pro 728×90

LONDRES, 13 Out (Reuters) – O euro caminhava para o maior
avanço semanal em um mês, apesar do leve recuo nesta
sexta-feira, à medida que os investidores desviavam a atenção
das preocupações políticas e focavam na reunião do Banco Central
Europeu (BCE), sob a expectativa de que apresente planos para
reduzir seu enorme programa de estímulo.
O apetite pela moeda única também tem sido apoiado pelo
dólar fraco, que nesta semana foi pressionado pela ata da última
reunião do Federal Reserve, que mostrou que as autoridades do
banco central dos Estados Unidos estavam cautelosas sobre a
perspectiva da inflação.
Já o dólar contra a cesta caminhava para a maior queda
semanal em mais de um mês, na medida em que os rendimentos dos
Treasuries ficaram perto das mínimas recentes antes dos dados de
inflação dos EUA.
Às 09:18 (horário de Brasília), o dólar contra a cesta
avançava 0,16 por cento, enquanto o euro tinha
queda de 0,18 por cento, a 1,18 dólar.
O euro atingiu a máxima de mais de duas semanas de 1,1880
dólar na quinta-feira e caminhava para o maior avanço semanal
desde 10 de setembro, apesar da queda.
"Estamos otimistas quanto às perspectivas do euro à medida
que as incertezas políticas começaram a crescer no curto prazo e
os mercados estão olhando a força econômica", disse o diretor de
pesquisa de câmbio do G10 do Credit Agricole, Valentin Marinov,
que vem aconselhando os clientes a manterem as posições
compradas do euro ante o dólar.
(Por Saikat Chatterjee)
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7509))
REUTERS TF PD


Assuntos desta notícia

Join the Conversation