Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

MOSCOU, 7 Dez (Reuters) – A suíça Syngenta está
considerando montar unidades de produção de defensivos agrícolas
na Rússia, ao invés de depender da importação de seus produtos,
disse o chefe do escritório russo da empresa nesta quinta-feira.
A Rússia, um dos maiores exportadores de trigo do mundo,
aumentou sua produção de grãos nos últimos anos apesar de
sanções ocidentais impostas ao país em 2014, mas é altamente
dependente de importações de sementes e defensivos agrícolas.
"Estamos investindo ativamente na Rússia… Estamos pensado
de organizar nossa própria produção de defensivos agrícolas",
disse o chefe do escritório russo da Syngenta, Jonathan Brown,
durante conferência em Moscou.
O Conselho de Diretores da Syngenta decidirá se seguirá com
o projeto no primeiro trimestre de 2018, disse ele à Reuters
após participação no evento.
"Após essa decisão, agiremos rapidamente", disse Brown.
A Syngenta já investiu 1 bilhão de rublos (17 milhões de
dólares) em projetos de pesquisa e desenvolvimento na Rússia,
incluindo 2 milhões de dólares que gastou em um instituto de
defensivos agrícolas neste ano.
(Por Olga Popova; reportagem adicional de John Miller)
((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447765))
REUTERS LM RS


Assuntos desta notícia

Join the Conversation