Clicky

MetaTrader 728×90

SÃO PAULO, 17 Jan (Reuters) – A Superintendência-geral do
Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) recomendou ao
tribunal do órgão antitruste que a aquisição dos negócios de
utilidades domésticas de vidro da Owens-Illinois Brasil pela
Nadir Figueiredo seja reprovada.
Em comunicado nesta quarta-feira, a autarquia destaca que "o
setor brasileiro de utilidades domésticas de vidro apresenta
nível de concentração já bastante alto" e que a transação só
intensificaria o "amplo domínio" da Nadir Figueiredo.
O Cade ainda considera baixas a rivalidade de outros
produtores e a probabilidade de novos entrantes, bem como
ressalta que as importações são insuficientes para coibir o
poder de mercado da Nadir Figueiredo.
O ato de concentração foi notificado em 18 de agosto e o
órgão tem 240 dias, prorrogáveis por mais 90, para proferir
decisão final sobre o acordo.

(Por Gabriela Mello; Edição de Maria Pia Palermo)
(([email protected]; 551156447553; Reuters
Messaging: [email protected]))

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Assuntos desta notícia