Clicky

MetaTrader 728×90

SÃO PAULO, 8 Mai (Reuters) – A empresa que administra redes
de fidelidade de clientes Smiles deve começar a
operar na Argentina até o final deste ano, em sua primeira
expansão internacional, e que ocorre em um momento em que o
governo local eleva taxas de juros que no Brasil vinham ajudando
o resultado financeiro da empresa.
A companhia espera faturar na Argentina por volta do último
trimestre deste ano e fez parceria para oferta de passagens
aéreas com a companhia local Aerolíneas Argentinas. A parceria
não é exclusiva e a empresa poderá buscar novas companhias nos
próximos anos, disse o presidente da Smiles, Leononel Dias.
Segundo o executivo, a rentabilidade da operação argentina
"é muito semelhante à do Brasil, podendo chegar a 20 por cento
em cinco anos".
Para o lançamento das operações na Argentina, que serão
focadas no público local, a Smiles prevê despesas de entre 3
milhões e 4 milhões de dólares, disse o executivo durante
teleconferência com analistas.
Na véspera, a Smiles divulgou leve queda no lucro do
primeiro trimestre, com alta de despesas e recuo de receita
financeira.

(Por Alberto Alerigi Jr., edição de Paula Arend Laier)
(([email protected]; 5511-5644-7753; Reuters
Messaging: [email protected]))

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia