Clicky

MetaTrader 728×90

NOVA YORK, 1 Dez (Reuters) – Os preços do petróleo
encerraram com ligeira alta nesta sexta-feira, mas ficaram
abaixo das máximas da sessão, à medida que mercados financeiros
recuaram após uma reportagem da ABC News que aumentou
preocupações sobre a exposição do presidente Donald Trump a uma
investigação sobre interferência russa à campanha do ano
passado.
O petróleo Brent tocou 64,32 dólares por barril um dia após
a Opep e outros produtores de petróleo concordarem em estender
os cortes de produção até o fim de 2018 para apertar a oferta
global e sustentar preços.
Mas o petróleo limitou ganhos à medida que as ações de Wall
Street caíram após uma reportagem da ABC de que o ex-assessor de
segurança nacional Michael Flynn estava pronto a contar a
investigadores de que, antes de assumir o cargo, Trump o
direcionou a contatar os russos.
A Reuters não verificou a reportagem da ABC News, que citou
um confidente de Flynn. O ex-assessor também se declarou culpado
nesta sexta-feira por mentir ao FBI.
Os futuros de Brent fecharam a 63,73 dólares por
barril, enquanto o petróleo dos EUA avançou 0,96 dólar,
ou 1,7 por cento, a 58,36 dólares por barril.
(Por Scott DiSavino; reportagem adicional de Polina Ivanova
e Aaron Sheldrick )
((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447765))
REUTERS LM MN


Assuntos desta notícia

Join the Conversation