Clicky

MetaTrader 728×90

WASHINGTON, 4 Jan (Reuters) – O número de norte-americanos
que entraram com pedidos de auxílio-desemprego nos Estados
Unidos subiu pela terceira vez seguida na semana passada, mas
provavelmente não sugere mudança nas condições do mercado de
trabalho já que os dados de vários Estados foram estimados.
O Departamento do Trabalho informou nesta quinta-feira que
os pedidos iniciais de auxílio-desemprego aumentaram em 3 mil,
para 250 mil em números ajustados sazonalmente na semana
encerrada em 30 de dezembro.
Economistas consultados pela Reuters esperavam que os
pedidos cairiam a 240 mil. Os pedidos tendem a ser voláteis
durante o período de férias.
(Reportagem de Lucia Mutikani)
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7729))
REUTERS CMO PD


Assuntos desta notícia