Clicky

MetaTrader 728×90

WASHINGTON, 17 Mai (Reuters) – Os novos pedidos de
auxílio-desemprego nos Estados Unidos aumentaram mais do que o
esperado na semana passada, mas o número de norte-americanos nas
filas de desemprego caiu para o nível mais baixo desde 1973,
apontando para uma redução na ociosidade do mercado de trabalho.
Os pedidos de auxílio subiram em 11 mil, para 222 mil em
números ajustados sazonalmente na semana encerrada em 12 de
maio, informou o Departamento do Trabalho dos EUA nesta
quinta-feira. Os pedidos da semana anterior não foram revisados.
Economistas consultados pela Reuters projetavam alta para 215
mil pedidos.
O mercado de trabalho dos EUA é visto como próximo ou em
pleno emprego, com a taxa de desemprego perto da mínima de 17
anos e meio de 3,9 por cento. A taxa de desemprego está a uma
curta distância da previsão do Federal Reserve de 3,8 por cento
até o final deste ano.

(Por Lucia Mutikani)
((Tradução Redação São Paulo; +55 11 56447509))
REUTERS TH

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Assuntos desta notícia

Join the Conversation