Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

Por Iuri Dantas e Claudia Violante
SÃO PAULO, 1 Jun (Reuters) – A saída de Pedro Parente do
comando da Petrobras derrubou as ações da estatal,
pressionando o principal índice da Bolsa de Valores para baixo,
içou o dólar ante o real e fez o trecho mais longo da curva a
termo de juros avançar.
O mercado, assim, acabou deixando em segundo plano um
relatório do governo norte-americano mostrando geração de
empregos acima do esperado em maio e também notícias de
composição de um governo na Italia, devido à cautela sobre o
quanto o governo Michel Temer vai interferir na condução da
Petrobras.
Veja como estavam os principais mercados financeiros pouco
depois das 13:00 desta quarta-feira:

CÂMBIO
O dólar voltou a ganhar tração ante o real com a demissão de
Pedro Parente da presidência da Petrobras prejudicando a
percepção dos investidores, sobretudo os estrangeiros, sobre a
condução da economia brasileira, após o desconto do diesel para
cessar a greve dos caminhoneiros ter gerado impacto sobre as
contas públicas.
Na máxima da sessão, a moeda foi a 3,7654 reais, justamente
quando saiu a notícia de Pedro Parente deixar a gestão da
principal estatal do país.
"A demissão gera dúvidas sobre a continuidade das políticas
ortodoxas do governo", afirmou o economista-sênior do Banco
Haitong, Flávio Serrano, ao justificar a piora do mercado.
Parente decidiu deixar o cargo em meio a discussões sobre a
política de preços da petroleira. Por causa da greve dos
caminhoneiros, a estatal havia concordado em reduzir a
frequência dos reajustes do diesel por um determinado período
contanto que a União pagasse pelas perdas causadas à empresa.
Parente trouxe credibilidade à estatal, bastante arranhada
após o rombo decorrente da Lava-Jato, com a implementação de
política de reajustes quase que diários dos combustíveis,
acompanhando os preços internacionais do petróleo.
Na abertura, a moeda subia ante o real, depois que dados
mais fortes do mercado de trabalho norte-americano endossaram a
força da economia do país e reforçaram as apostas de mais juros
nos EUA neste ano.
Foram criadas 223 mil nos EUA vagas em maio, a taxa de
desemprego ficou em 3,8 por cento e houve avanço de 0,3 por
cento na renda média por hora. As expectativas em pesquisa da
Reuters eram de abertura de 188 mil postos de trabalho, 3,9 por
cento de taxa de desemprego e 0,2 por cento de avanço na renda.

MetaTrader 300×250

Os operadores continuam bastante confiantes sobre os
aumentos da taxa básica em junho e setembro, mostram preços de
futuros, e vêem cerca de 36 por cento de chance de um aumento
nos juros em dezembro, ante 32 por cento antes do relatório. O
Fed elevou a taxa uma vez este ano até o momento, em março. Os
operadores também aumentaram as apostas de novos aumentos em
2019.
Além disso, havia um pouco de tensão com o recrudescimento
de uma guerra comercial após os Estados Unidos anunciarem
tarifas de importação sobre alumínio e aço do Canadá, México e
União Europeia.
"Investir em 'risco' no atual momento não parece ser a
melhor decisão, afinal os cenários externo e interno não
contribuem para essa ousadia, ainda mais em uma sexta-feira de
emenda de feriado, o que reduz a liquidez dos mercados no
Brasil", comentou mais cedo a Advanced Corretora em relatório.
O dólar subia ante a cesta de moedas , mas perdia
força ante a maioria de moedas emergentes, o que chegou a
favorecer o real após a abertura, que ganhou força pouco até
antes da notícia de Parente.
Internamente, o Banco Central manteve sua atuação no mercado
de câmbio. Vendeu 15 mil novos contratos de swap cambial
tradicional –equivalente à venda futura de dólares–,
totalizando 750 milhões de dólares. Em maio, o BC vendeu 7,250
bilhões de dólares em novos contratos.
Também vendeu integralmente a oferta de até 8.800 contratos
de swap cambial tradicional, rolando 440 milhões de dólares do
total de 8,762 bilhões de dólares que vence em julho.

. Dólar/Real : +1,03%, a 3,7627 reais na venda;
. Euro/Dólar : -0,15%, a 1,1672 dólar;
. Dólar/Cesta de moedas : +0,12%

BOVESPA
O mercado acionário brasileiro chegou a cair mais de 1 por
cento nesta sexta-feira, invertendo o sinal positivo observado
na abertura, enquanto os investidores assimilavam um noticiário
corporativo movimentado na volta do feriado de Corpus Christi,
com destaque para a saída de Pedro Parente do cargo de
presidente-executivo da Petrobras.
Mais cedo, o indicador havia chegado a avançar, espelhando o
firme desempenho das bolsas em Wall Street e na Europa em um dia
de maior apetite por risco no exterior, após indicadores
macroeconômicos positivos nos Estados Unidos.
O sobrecarregado noticiário corporativo passou a ditar o
desempenho do índice, depois que a Petrobras anunciou o pedido
de demissão de Pedro Parente do cargo de presidente-executivo na
da companhia na manhã desta sexta-feira, em meio a discussões
acaloradas sobre a política de preços da estatal.
Após terem as negociações suspensas pela B3, os papéis da
petrolífera despencavam mais de 15 por cento, liderando as
perdas do Ibovespa. Na outra ponta, as ações da empresa de
alimentos BRF Foods registravam o melhor desempenho
do índice, passando por leilão ao avançarem mais de 8 por cento.
Parente é presidente do conselho da BRF.
"A saída do Parente era uma possibilidade que vinha sendo
ventilada nas últimas semanas, ainda ainda assim acho que pegou
o mercado desprevenido", disse à Reuters o economista da Guide
Investimentos Ignácio Crespo.
Na avaliação dele, os papéis da petrolífera devem continuar
sensíveis nas próximas sessões, especialmente enquanto não
houver definição sobre quais serão os próximos passos da
companhia.

DESTAQUES
– PETROBRAS PN caía 16,9 por cento, e PETROBRAS
ON perdia 16,2 por cento, tendo o pior desempenho do
Ibovespa, após a notícia da renúncia de Pedro Parente ao cargo
de presidente-executivo da estatal, o que levou a bolsa paulista
a suspender as negociações de ambos os papéis. A decisão de
Parente ocorre após uma forte pressão sofrida com a paralisação
de caminhoneiros contra os valores do diesel, que provocou um
desabastecimento generalizado e afetou diversos setores da
economia.

– BRF ON subia 8,5 por cento, tendo passado por
leilões, enquanto ocupava a primeira posição na lista de maiores
altas do índice. De acordo com operadores ouvidos pela Reuters,
a saída de Pedro Parente da Petrobras fortalecia rumores que
circulavam no mercado desde o começo da semana de que Parente
poderia assumir a presidência-executiva da empresa de alimentos.

– ITAÚ UNIBANCO PN avançava 1,33 por cento,
limitando o viés negativo do Ibovespa, dado o seu peso na
composição do indicador. Ainda no setor bancário, BRADESCO PN
ganhava 2,2 por cento, SANTANDER UNIT
subia 2,40 por cento, mas o estatal BANCO DO BRASIL ON
seguia na contramão dos pares, com queda de 0,33 por
cento.

– SUZANO PAPEL E CELULOSE subia 1 por cento, após
autoridades de defesa da concorrência nos Estados Unidos
aprovarem a fusão com a Fibria , em uma transação que
criará a maior produtora de celulose do mundo. Ainda no radar
estava a retomada gradual das atividades em todas as plantas da
companhia, inclusive o escoamento e faturamento de produtos,
após o fim da greve de caminhoneiros.

– AZUL PN , que não compõe o Ibovespa, cedia 0,57
por cento, depois que a companhia aérea divulgou prejuízo de
aproximadamente 50 milhões de reais com a paralisação dos
caminhoneiros nos últimos 11 dias, o que de será contabilizado
no resultado operacional do segundo trimestre.

. Ibovespa : -0,46%, a 76.398 pontos;
. Volume financeiro: 7,7 bilhões de reais;
. Índice dos principais ADRs brasileiros : -0,71%, a
20.194 pontos.
. Para ver as maiores altas do Ibovespa, clique em

. Para ver as maiores baixas do Ibovespa, clique em

BOLSAS DOS EUA
Os mercados acionários dos Estados Unidos avançavam nesta
sexta-feira, liderados pelo setor bancário, depois que um
relatório de emprego mais forte do que o esperado para maio
cimentou expectativas de aumento da taxa de juros pelo Federal
Reserve, banco central norte-americano, este mês.
O mercado de trabalho criou 223 mil vagas não agrícolas em
maio, disse o Departamento do Trabalho dos EUA, enquanto a renda
média por hora subiu 0,3 por cento, depois de subir 0,1 por
cento em abril.
Economistas consultados pela Reuters previam criação de 188
mil empregos e aumento de 0,2 por cento nos salários. Os dados
mostraram uma queda na taxa de desemprego para uma mínima de 18
anos a 3,8 por cento, apontando para o rápido aperto das
condições do mercado de trabalho.
No entanto, os investidores estão de olho nos desdobramentos
comerciais depois que Washington impôs na quinta-feira tarifas
sobre aço e alumínio ao Canadá, México e União Europeia.
Canadá e México retaliaram com tarifas sobre produtos
norte-americanos, de suco de laranja a carne suína. A União
Europeia pretendia taxar o whisky bourbon e as motocicletas
Harley.
"Uma economia melhor significa taxas de juros potencialmente
mais altas e as guerras comerciais significam demanda
potencialmente menor. O mercado ainda está tentando descobrir se
todo o barulho do comércio exterior é apenas ruído, nesse caso
ainda estamos em um bom caminho econômico… ou é algo mais
significativo que acabará por interromper o que tem sido
realmente um mercado altista", disse Rick Meckler, da Cherry
Lane Investments.

. Dow Jones : +0,82%, a 24.617 pontos;
. Standard & Poor's 500 : +0,98%, a 2.731 pontos;
. Nasdaq : +1,39%, a 7.545 pontos;

BOLSAS DA EUROPA
O índice FTSEurofirst 300 tinha alta de 0,97 por
cento, a 1.513 pontos.
Em LONDRES, o índice Financial Times avançava 0,31
por cento, a 7.701 pontos.
Em FRANKFURT, o índice DAX subia 0,95 por cento, a
12.724 pontos.
Em PARIS, o índice CAC-40 ganhava 1,24 por cento, a
5.465 pontos.
Em MILÃO, o índice Ftse/Mib tinha valorização de
1,49 por cento, a 22.109 pontos.
Em MADRI, o índice Ibex-35 registrava alta de 1,76
por cento, a 9.632 pontos.
Em LISBOA, o índice PSI20 valorizava-se 0,89 por
cento, a 5.517 pontos.

JUROS
As taxas dos contratos futuros de juros de curto e médio
prazo operavam em baixa nesta sexta-feira, com um movimento de
correção, enquanto o longo avançava após a demissão do
presidente da Petrobras, Pedro Parente, ter trazido uma leitura
pessimista para os investidores.
"Houve interferência do governo. Mercado não gosta de
políticas populistas", explicou o economista-chefe da gestora
Infinity Asset, Jason Vieira.
Os vencimentos do trecho mais longo da curva, entre 2025 e
2029, subiam entre 0,11 e 0,15 por cento.
Parente decidiu deixar o cargo em meio a discussões sobre a
política de preços da petroleira. Por causa da greve dos
caminhoneiros, a estatal havia concordado em reduzir a
frequência dos reajustes do diesel por um determinado período
contanto que a União pagasse pelas perdas causadas à empresa.
Parente trouxe credibilidade à estatal, bastante arranhada
após o rombo decorrente da Lava-Jato, com a implementação de
política de reajustes quase que diários dos combustíveis,
acompanhando os preços internacionais do petróleo.
O Tesouro Nacional fez novo leilão de recompra de Notas do
Tesouro Nacional série F (NTN-F), com oferta de até 1,5 milhão
de papéis, mas não comprou nenhum.
"Ou o mercado não está incomodado com o nível de taxas, ou o
Tesouro não quis comprar porque o mercado pediu muito", explicou
um profissional da mesa de renda fixa de uma corretora local.
Na quarta-feira, o Tesourou anunciou que faria três novos
leilões extraordinários de compra de NTN-F para aliviar o
mercado, e adiantou que deve reduzir as emissões de títulos com
vencimento mais longo diante da turbulência nos mercados globais
e incertezas locais.
O Tesouro já havia feito três leilões de recompra no começo
desta semana para tentar acalmar o mercado. Além disso, cancelou
novamente os leilões tradicionais de venda da dívida pública da
próxima semana.
"A nova rodada de compra de NTN-F ajuda o mercado a
encontrar um 'teto' para o movimento de abertura (alta) das
taxas", explicou mais cedo um operador do mercado de renda fixa
de uma corretora local.
O trecho curto e intermediário operava em queda, perdendo
força pontualmente após o anúncio da demissão de Pedro Parente,
com um movimento de correção após o avanço recente.
O contrato com vencimento em 2021 , um dos mais
líquidos, por exemplo, subiu em maio 0,93 ponto percentual.
A curva a termo de juros precificava nesta sexta-feira 54
por cento de chances de manutenção da taxa Selic em 6,50 por
cento em junho, com o restante indicando alta de 0,25 ponto
percentual.

mês ticker último fechamento variação
(%) anterior (%) (p.p.)
JUL8 6,428 6,431 -0,003
JAN9 6,765 6,798 -0,033
JAN0 7,69 7,773 -0,083
JAN21 8,8 8,894 -0,094
JAN23 10,57 10,584 -0,014

DÍVIDA
Os rendimentos dos Treasuries subiram aos picos da sessão
nesta sexta-feira, depois que dados mostraram que a maior
economia do mundo criou mais empregos que o esperado em maio,
cimentando expectativas de pelo menos duas novas altas de juros
pelo Federal Reserve, banco central dos EUA, este ano.
O número de empregos for a do setor agrícola cresceu em
223.000 vagas no mês passado, mostraram os dados. Os números de
março e abril foram revisados para mostrar a economia criando 15
mil empregos a mais do que informado previamente.
Além disso, o rendimento médio por hora cresceu 8 centavos
de dólar, ou 0,3 por cento no mês passado, depois de subir 0,1
por cento em abril, sugerindo que a inflação está em vias de
subir.
Depois da divulgação dos números, o rendimento do título de
10 anos atingiu 2,926 por cento, o nível mais alto da sessão,
, ante 2,9168 por cento logo antes.
Os rendimentos dos títulos de dois anos também
atingiu um pico de dois dias a 2,488 por cento, ante 2,463 por
cento antes da divulgação dos dados.

. Treasuries de 10 anos : rendimento em alta a
2,9004%, ante 2,822% no pregão anterior;
. Global 27 : rendimento em alta a 5,2963%, ante
5,271% no pregão anterior.

PETRÓLEO
A diferença entre os contratos futuros do Brent e do
petróleo dos Estados Unidos atingiu seu maior patamar em três
anos nesta sexta-feira, com a segunda queda semanal consecutiva
para o petróleo dos EUA, conforme a produção norte-americana se
aproxima da Rússia.
A produção de petróleo dos EUA vem subindo para níveis
recordes desde o final de 2017. Em março, saltou 215 mil barris
por dia para 10,47 milhões de barris por dia, um novo recorde
mensal, informou a Administração de Informações sobre Energia
(AIE) na véspera.

. Nymex – JUL/16 : -0,61%, a 66,63 dólares por barril;
. ICE Futures Europe – Brent AGO/16 : -1,22%, a 76,61
dólares por barril.

(PANORAMA1 e PANORAMA2 são localizados no terminal de
notícias da Reuters pelo código PAN/SA )

(Por Iuri Dantas; Edição de Claudia Violante)
(([email protected]; +55 11 5644-7757; Reuters
Messaging: [email protected]))


Assuntos desta notícia