Clicky

MetaTrader 728×90

SÃO PAULO, 23 Nov (Reuters) – O dólar operava com leves
oscilações ante o real nesta quinta-feira, em dia de volume
reduzido por conta de feriado nos Estados Unidos e com
investidores acompanhando negociações do governo para pôr em
votação a reforma da Previdência.
O Ibovespa operava no vermelho, com cautela diante das
dificuldades que o governo do presidente Michel Temer terá para
angariar apoio à proposta de reforma da Previdência.
Já as taxas da maioria dos contratos futuros de juros
operavam com leves baixas, depois que a prévia da inflação
oficial subiu menos do que o esperado em novembro, endossando o
caminho de corte de juros ao Banco Central.

Veja como estavam os principais mercados financeiros pouco
depois das 13h05 desta quinta-feira:

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

CÂMBIO
O dólar operava com leves oscilações ante o real nesta
quinta-feira, em dia de volume reduzido com feriado nos Estados
Unidos e com os investidores acompanhando as negociações sobre a
reforma da Previdência.
Na noite de quarta-feira o presidente Michel Temer promoveu
um jantar no Palácio da Alvorada para conseguir apoio político
para a reforma previdenciária, do qual participaram 176 pessoas
entre parlamentares, ministros e economistas.
Para o relator da reforma, deputado Arthur de Oliveira Maia
(PPS-BA), que participou do encontro, o governo ainda tem um
trabalho "árduo" para conquistar os 308 votos necessários na
Câmara dos Deputados.
"O quórum do jantar mostra que o governo ainda está
carecendo de apoio", avaliou o diretor da consultoria de valores
mobiliários Wagner Investimentos, José Faria Júnior.
O governo tem trabalhado para passar o texto no plenário da
Câmara ainda este ano e tem a intenção de tentar apreciá-la no
Senado no início do próximo ano.
O volume de negociações nesta sessão era baixo devido ao
feriado do Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos, onde os
mercados estão fechados.
No exterior, o dólar operava em queda ante uma cesta de
moedas e perto da estabilidade ante divisas de emergentes, como
os pesos chileno e mexicano .

. Dólar/Real : -0,01%, a 3,2347 reais na venda;
. Euro/Dólar : +0,24%, a 1,1848 dólar;
. Dólar/Cesta de moedas : -0,08%

BOVESPA
O principal índice da bolsa paulista operava no vermelho,
com liquidez reduzida diante do feriado nos Estados Unidos e
investidores ponderando o resultado do jantar de Temer na
véspera para ter apoio para a reforma da Previdência.
"O jantar oferecido por Temer aos deputados da base
governista não atingiu o quórum esperado de 300 pessoas… Por
enquanto, o governo pode contar com 220-270 votos favoráveis
para aprovar a reforma da Previdência", escreveram os analistas
da corretora Guide Investimentos. Para aprovar a reforma na
Câmara, o governo precisa de 308 votos.

– PETROBRAS PN recuava 0,6 por cento e PETROBRAS
ON tinha baixa de 0,6 por cento, em dia sem rumo
claro para os preços do petróleo no mercado internacional.

– USIMINAS PNA recuava 1,1 por cento, com a forte
alta acumulada recentemente abrindo espaço para ajustes. O papel
fechou no azul nos quatro pregões anteriores, acumulando ganho
de 13 por cento no período.

– BRADESCO PN tinha queda de 1,3 por cento e ITAÚ
UNIBANCO PN caía 1,1 por cento, ajudando a
enfraquecer o índice devido ao peso em sua composição. A sessão
era negativa ainda para os demais bancos que compõem o índice,
com SANTANDER UNIT recuando 1,7 por cento e BANCO DO
BRASIL ON em queda de 1,6 por cento.

– TIM PARTICIPAÇÕES ON avançava 1,4 por cento,
entre os destaques positivos do índice, após o Itaú BBA melhorar
a recomendação dos papéis para "outperform", com preço-alvo ao
final de 2018 de 16 reais.

. Ibovespa : -0,79%, a 73.933 pontos;
. Volume financeiro: R$1,28 bi.

Para ver as maiores altas do Ibovespa, clique em
Para ver as maiores baixas do Ibovespa, clique em

BOLSAS DOS EUA
Os mercados acionários norte-americanos não operam nesta
quinta-feira devido ao feriado de Ação de Graças.

BOLSAS DA EUROPA
O índice FTSEurofirst 300 tinha alta de 0,01 por
cento, a 1.521 pontos.
Em LONDRES, o índice Financial Times avançava 0,04
por cento, a 7.421 pontos.
Em FRANKFURT, o índice DAX caía 0,08 por cento, a
13.005 pontos.
Em PARIS, o índice CAC-40 ganhava 0,54 por cento, a
5.381 pontos.
Em MILÃO, o índice Ftse/Mib tinha valorização de
0,27 por cento, a 22.376 pontos.
Em MADRI, o índice Ibex-35 registrava alta de 0,4
por cento, a 10.055 pontos.
Em LISBOA, o índice PSI20 valorizava-se 0,13 por
cento, a 5.312 pontos.

JUROS
As taxas da maioria dos contratos futuros de juros operavam
com leves baixas nesta quinta-feira, depois que a prévia da
inflação oficial subiu menos do que o esperado em novembro,
endossando o caminho de corte de juros ao Banco Central.
"A inflação está baixa e mostra que o ambiente está
confortável para a flexibilização monetária", afirmou o
economista-sênior do banco Haitong, Flávio Serrano.
O IPCA-15 avançou 0,32 por cento em novembro, ante 0,34 por
cento em outubro, abaixo da previsão de alta de 0,40 por cento
dos economistas ouvidos pela Reuters. O indicador foi
beneficiado pela deflação maior nos preços de alimentos, que
acabaram ofuscando as altas nos preços da energia elétrica e
combustíveis.
A curva a termo precificava nesta sessão cerca de 90 por
cento de chances de redução de 0,50 ponto percentual da Selic em
dezembro, com o restante indicando corte de 0,25 ponto, segundo
dados da Reuters. Se esse movimento se concretizar, a taxa
básica de juros irá para nova mínima histórica.
Para 2018, as apostas de redução de 0,25 ponto percentual em
fevereiro, na primeira reunião do Comitê de Política Monetária
(Copom) do BC no ano, estavam em cerca de 65 por cento, igual à
véspera, segundo operadores. O restante indicava manutenção da
Selic.
Atualmente, a taxa básica de juros está em 7,50 por cento ao
ano, após dois cortes de 0,25 ponto, seguidos de dois de 0,75
ponto, quatro de 1 ponto e mais um de 0,75 ponto.
Em dia de liquidez mais fraca por causa do feriado do Dia de
Ação de Graças nos Estados Unidos, os investidores também
seguiam acompanhando as negociações do governo para colocar em
votação a reforma da Previdência.
mês ticker último (%) fechamento variação
anterior (%) (p.p.)
APR8 6,905 6,92 -0,015
JAN8 7,088 7,103 -0,015
JAN9 7,13 7,19 -0,06
JAN21 9,22 9,25 -0,03
JAN23 10,02 10,03 -0,01

DÍVIDA
Os mercados de dívida nos EUA não operam nesta quinta-feira
devido ao feriado de Ação de Graças.

PETRÓLEO
Os preços do petróleo operavam sem viés único quinta-feira,
após as quedas vistas mais cedo, quando as preocupações com o
excesso de oferta ofuscavam o impacto do fechamento de um
oleoduto nos Estados Unidos.

. Nymex – JAN/17 : +0,31%, a 58,2 dólares por barril;
. ICE Futures Europe – Brent JAN/17 : -0,08%, a 63,27
dólares por barril.

(PANORAMA1 e PANORAMA2 são localizados no terminal de
notícias da Reuters pelo código PAN/SA )

(Edição de Alberto Alerigi Jr.)
(([email protected]; 55 11 5644-7727; Reuters
Messaging: [email protected]))


Assuntos desta notícia