Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

Por Camila Moreira
SÃO PAULO, 10 Mai (Reuters) – A alta do lucro ajustado do
Banco do Brasil e o IPCA de abril devem ditar o ritmo do mercado
no início das negociações desta quinta-feira, enquanto no
exterior a alta do petróleo dava o tom.
O Banco do Brasil anunciou logo cedo que teve
lucro ajustado de 3,026 bilhões de reais no primeiro trimestre,
alta de 20,3 por cento ante mesma etapa de 2017. A lista de
resultados ainda reserva para o fim do dia B3 , BRF
, CCR , Cyrela , Lojas Americanas
, Qualicorp , Sabesp , Natura
e Cosan .
Já o IBGE informa às 9h os dados de abril do IPCA, com
expectativa em pesquisa da Reuters de alta de 0,28 por cento
sobre o mês anterior e de 2,82 por cento em 12 meses, mantendo o
Banco Central em vias de cortar os juros a nova mínima histórica
na semana que vem. Essa movimentação também foi sinalizada esta
semana pelo presidente do BC, Ilan Goldfajn, o que fez o mercado
voltar a reforçar as chances de que a taxa básica de juros cairá
para 6,25 por cento.
No exterior, o mercado se prepara para uma potencial
interrupção no fluxo de petróleo do Irã diante de sanções dos
EUA após abandonarem o acordo nuclear, e os preços do Brent
chegaram a nova máxima de três anos e meio. Por outro lado, a
inflação ao produtor na China acelerou pela primeira vez em sete
meses em abril e sugere que a demanda industrial permanece
resiliente.

Confira os principais indicadores econômicos brasileiros e
internacionais com divulgação prevista para esta quinta-feira.
Os prognósticos são de analistas ouvidos pela
Reuters.:

MetaTrader 300×250

Veja como estavam os principais mercados financeiros
externos às 8:07 desta quinta-feira:
. O índice MSCI da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão
tinha alta de 0,66 por cento, a 568 pontos.
. O futuro do norte-americano S&P 500 subia 0,06 por
cento, a 2.697 pontos.
. O índice FTSEurofirst 300 tinha queda de 0,26
por cento, a 1.535 pontos.
. Em LONDRES, o índice Financial Times avançava 0,02
por cento, a 7.663 pontos.
. Em FRANKFURT, o índice DAX subia 0,32 por cento, a
12.984 pontos.
. Em PARIS, o índice CAC-40 perdia 0,07 por cento, a
5.530 pontos.
. Em MILÃO, o índice Ftse/Mib tinha desvalorização
de 1,23 por cento, a 23.967 pontos.
. Em MADRI, o índice Ibex-35 registrava baixa de
0,05 por cento, a 1.216 pontos.
. Em LISBOA, o índice PSI20 valorizava-se 0,06 por
cento, a 5.553 pontos.
. O petróleo tipo Brent em Londres avançava 0,09 por
cento, a 77,28 dólares por barril.
. O petróleo em Nova York subia 0,48 por cento, a
71,48 dólares por barril.
. O euro tinha ganho de 0,19 por cento, a 1,1873
dólar.
. O índice do dólar sobre uma cesta de moedas perdia
0,1 por cento.

Veja como fecharam as bolsas asiáticas nesta quinta-feira:
. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,39 por cento,
a 22.497 pontos.
. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,89 por
cento, a 30.809 pontos.
. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,51 por cento, a
3.175 pontos.
. O índice CSI300 , que reúne as maiores companhias
listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,57 por cento, a 3.893
pontos.
. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,83
por cento, a 2.464 pontos.
. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,53
por cento, a 10.760 pontos.
. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES
desvalorizou-se 0,31 por cento, a 3.537 pontos.
. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,18 por
cento, a 6.118 pontos.

Veja como fecharam os principais mercados financeiros na
quarta-feira:
CÂMBIO
O cenário internacional continuou pesando no mercado nesta
quarta-feira, fazendo o dólar fechar pelo terceiro dia seguido
em alta e encostado no patamar de 3,60 reais, diante de temores
de juros maiores e tensões geopolíticas envolvendo os Estados
Unidos e o Irã.
. Dólar/Real : +0,74%, a 3,5954 reais na venda;

BOVESPA
O principal índice de ações da B3 fechou em alta nesta
quarta-feira, com o avanço do petróleo impulsionando as ações da
Petrobras, enquanto o dólar ajudou exportadoras, em sessão
novamente marcada por uma bateria de resultados corporativos.

. Ibovespa : +1,58%, a 84.265 pontos;
. Volume financeiro: R$ 11 bi.
. Índice dos principais ADRs brasileiros : +0,87%, a
23.083 pontos.
Para ver as maiores altas do Ibovespa, clique em
Para ver as maiores baixas do Ibovespa, clique em

BOLSAS DOS EUA
Os índices acionários de Wall Street subiram nesta
quarta-feira a alta dos preços de petróleo impulsionando ações
de energia um dia depois da decisão do presidente dos Estados
Unidos, Donald Trump, de deixar o acordo nuclear com o Irã.

. Dow Jones : +0,75%, a 24.542 pontos;
. Standard & Poor's 500 : +0,968218%, a 2.697 pontos;
. Nasdaq : +1,00%, a 7.340 pontos.

JUROS
As taxas dos contratos futuros de juros mais curtos recuaram
nesta quarta-feira, depois que o presidente do Banco Central,
Ilan Goldfajn, sinalizou que deve ocorrer mais um corte da Selic
na semana que vem.

mês ticker último fechamento variação
(%) anterior (%) (p.p.)
JUL8 6,243 6,267 -0,024
JAN9 6,295 6,33 -0,035
JAN0 7,34 7,27 0,07
JAN21 8,44 8,29 0,15
JAN23 9,68 9,48 0,2

DÍVIDA
. Treasuries de 10 anos : rendimento em alta a
3,0061%, ante 3,004% no dia anterior;
. Global 27 : rendimento em queda a 4,923%, ante
4,923% no dia anterior.

(PANORAMA1 e PANORAMA2 são localizados no terminal de
notícias da Reuters pelo código PAN/SA )

(Edição de Pedro Fonseca)
(([email protected]; 55 11 5644-7729; Reuters
Messaging: [email protected]))


Assuntos desta notícia