Clicky

MetaTrader 728×90

Por Polina Nikolskaya
SÃO PETERSBURGO, 4 Jun (Reuters) – A Rússia superou a França
como o maior mercado da startup francesa de compartilhamento de
carros BlaBlaCar, um crescimento impulsionado por longas
distâncias entre as cidades russas e uma cultura de dar carona a
estranhos, disse o co-fundador e presidente-executivo da empresa
à Reuters.
Nicolas Brusson afirmou que a empresa não listada, que
entrou no mercado russo há quatro anos, planeja investir 10
milhões de euros na Rússia no ano que vem, mais do que os
investimentos totais do BlaBlaCar nos últimos três a quatro
anos.
"Estamos falando de 15 milhões de membros em russo, o que
significa que mais de um russo de dez já está inscrito no
BlaBlaCar. Estamos falando de mais de 3 milhões de russos que
são transportados pelo BlaBlaCar todos os meses", disse ele.
O aplicativo BlaBlaCar funciona combinando passageiros com
motoristas que têm espaço extra em seus veículos e estão indo
para o mesmo destino.
A empresa, fundada em Paris em 2006, descreve-se como a
maior comunidade de caronas do mundo. O BlaBlaCar tem dois
modelos de ganhar dinheiro na Europa, tendo uma taxa de serviço
de passageiros para cada viagem ou permitindo o uso de seu
aplicativo sob assinatura.
Brusson disse que a primeira razão para o sucesso da empresa
na Rússia foi cultural.
Ele disse que precisava trabalhar duro na Europa para
convencer os clientes de que a BlaBlaCar era um serviço seguro.
"Na Rússia, as pessoas estão mais acostumadas a compartilhar e
entenderam as características do serviço mais rapidamente",
disse ele.
Brusson viu a Rússia como um contribuinte financeiro muito
forte para o BlaBlaCar em termos de quatro a cinco anos.
"No ano que vem vamos investir tanto quanto nos últimos 3 ou
4 anos. Porque a atividade está apenas dobrando ano a ano, e há
uma necessidade real que podemos ajudar a resolver, por isso nos
leva a investir". ele disse.
(Por Polina Nikolskaya)
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 56447509))
REUTERS SI GM


Assuntos desta notícia