Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

SÃO PAULO, 13 Nov (Reuters) – O mercado ampliou a projeção
para os preços administrados neste ano, o que acabou
repercutindo nas contas para a inflação oficial, mas manteve sua
previsão sobre a taxa básica de juros, mostrou nesta
segunda-feira a pesquisa Focus do Banco Central.
A estimativa de alta para os preços administrados foi a 7,50
por cento em 2017, contra 7 por cento calculados antes, na sexta
semana seguida de elevações nas projeções. Para 2018, as contas
caíram ligeiramente a 4,80 por cento, sobre 4,88 por cento.
Com isso, segundo o Focus, a estimativa de alta do IPCA foi
a 3,09 por cento neste ano, sobre 3,08 por cento até então. Para
2018, também houve avanço nas contas, a 4,04 por cento, ante
4,02 por cento. Em ambos os casos, as previsões continuaram
abaixo do centro da meta do governo, de 4,25 por cento, com
margem de 1,25 ponto percentual para mais ou menos.
Em outubro, o IPCA registrou a maior alta mensal em pouco
mais de um ano por conta dos preços das tarifas de energia
elétrica, diante das bandeira tarifária vermelha.
Ainda assim, a IPCA continuou fraco no acumulado em 12 meses
por conta dos preços dos alimentos, o que mantém o caminho
aberto para o BC continuar reduzindo a Selic, hoje em 7,50 por
cento ao ano.
Segundo o Focus, foram mantidas as previsões de que a taxa
será reduzida a 7 por cento em dezembro, patamar que ficará em
2018. O Top-5, grupo dos que mais acertam as previsões, manteve
seu cenário de que a Selic irá a 6,5 em 2018.
O Focus mostrou ainda que o mercado manteve as projeções de
crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) para 2017 e 2018, em
0,73 e 2,50 por cento, respectivamente.
Veja abaixo as principais projeções do mercado para a
economia brasileira, de acordo com a pesquisa semanal do Banco
Central com cerca de 100 instituições financeiras.

Mediana das expectativas do mercado
2017 2018
Há 1 Hoje Há 1 Hoje
semana semana
IPCA (%) 3,08 3,09 4,02 4,04

MetaTrader 300×250

IGP-DI (%) -0,97 -1,20 4,50 4,50

IGP-M (%) -1,13 -1,12 4,39 4,39

IPC-Fipe (%) 2,29 2,25 4,28 4,28

Taxa de câmbio – fim
de período (R$) 3,20 3,20 3,30 3,30

Taxa de câmbio –
média (R$) 3,19 3,19 3,26 3,26

Selic – fim de
período (%) 7,00 7,00 7,00 7,00

Selic – média (%) 9,84 9,84 6,84 6,88

Dívida líquida/PIB (%) 52,25 52,30 55,90 55,81

PIB (%) 0,73 0,73 2,50 2,50

Produção industrial (%) 2,00 1,96 3,00 2,73

Conta corrente (US$) -14,00 -13,00 -30,00 -30,00

Balança comercial (US$) 65,00 65,00 53,00 53,20

IDP (US$) 75,00 80,00 80,00 80,00

Preços administrados (%) 7,00 7,50 4,88 4,80

Mediana – Top 5
2017 2018
Há 1 Hoje Há 1 Hoje
semana semana
Curto prazo
IPCA (%) 3,09 3,03 3,83 4,23

IGP-DI (%) -1,46 -1,35 4,51 4,51

IGP-M (%) -1,24 -1,19 4,26 4,50

Taxa de câmbio – fim
de período (R$) 3,20 3,25 3,30 3,48

Selic – fim de
período (%) 7,00 7,00 6,75 6,88

— — — — —
Médio prazo
IPCA (%) 3,05 3,03 4,00 3,95

IGP-DI (%) -1,00 -1,23 4,70 4,50

IGP-M (%) -1,12 -1,12 4,19 4,19

Taxa de câmbio – fim
de período (R$) 3,20 3,15 3,20 3,20

Selic – fim de
período (%) 7,00 7,00 6,50 6,50

(Por Patrícia Duarte; Edição de Pedro Fonseca)
((Patric[email protected]; +55 11 5644-7732; Reuters
Messaging: [email protected]))


Assuntos desta notícia

Join the Conversation