Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

Conforme comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários – CVM e complementando Fato Relevante de 21 de dezembro de 2017, a Embraer e a Boeing Co. têm mantido entendimentos,
inclusive por meio do grupo de trabalho do qual o Governo Brasileiro participa, com
vistas a avaliar possibilidades para potencial combinação de negócios.

“A Embraer destaca que em conjunto com o grupo de trabalho, ainda estão analisando possibilidades de viabilização de uma combinação de seus negócios, que poderão eventualmente incluir a criação de outras sociedades com participação conjunta na área de aviação comercial, deixando por outro lado separadas as demais atividades notadamente aquelas vinculadas à área de defesa e, possivelmente, também a área de aviação executiva, que permaneceriam exclusivamente com a Embraer”, diz o comunicado.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Neste contexto, têm sido elaborados materiais de apoio para discussão, sem cunho vinculativo, que não foram submetidos ainda a qualquer aprovação formal das partes ou do Governo Brasileiro.

Entretanto, a brasileira de aviação reitera que não há garantia de que a “referida combinação de negócios venha a se concretizar ou quando poderá ocorrer, nem tampouco que venha finalmente a guardar semelhança com os termos acima referidos”.

A estrutura para combinação de negócios e sua eventual implementação deverão passar por aprovação não somente do Governo Brasileiro, mas também dos órgãos reguladores nacionais e internacionais e dos órgãos societários das duas companhias.


Assuntos desta notícia

Join the Conversation