Clicky

MetaTrader 728×90

Por Sruthi Shankar
14 Jun (Reuters) – O S&P e o Nasdaq avançavam nesta
quinta-feira após dados de vendas no varejo em maio nos Estados
Unidos melhores do que o esperado e após o Banco Central Europeu
(BCE) prometer que não elevará os juros da zona do euro antes de
meados de 2019.
Às 12:04 (horário de Brasília), o índice Dow Jones
caía 0,15 por cento, a 25.163 pontos, enquanto o S&P 500
ganhava 0,131862 por cento, a 2.779 pontos. O índice de
tecnologia Nasdaq avançava 0,5 por cento, a 7.734
pontos.
O comunicado do BCE veio como um alívio, especialmente
depois que o Federal Reserve elevou os juros nos Estados Unidos
pela segunda vez este ano na quarta-feira e sugeriu mais dois
aumentos até o final de 2018.
O BCE, no entanto, disse que vai reduzir seu programa de
estímulo de 2,55 trilhões de euros até encerrá-lo no final do
ano.
"Há alguma preocupação de que veremos uma política monetária
muito mais rígida. Mas tanto o Fed quanto o BCE, especialmente,
estão muito expansionistas neste momento e não parece que isso
vai atrapalhar a expansão que estamos vendo", disse Scott Brown,
economista-chefe do Raymond James.
Dados divulgados nesta quinta-feira mostraram que as vendas
no varejo nos EUA cresceram mais do que o esperado em maio, o
maior avanço desde novembro de 2017, o que indicou uma
aceleração no crescimento econômico no segundo trimestre.

A Comcast subia 2,8 por cento depois que a empresa
ofereceu 65 bilhões de dólares à Twenty-First Century Fox
para a Fox desistir de uma fusão com a Walt Disney, com
uma oferta de 20 por cento superior.
A Disney também ganhava 2,2 por cento.

MetaTrader 300×250

(Por Sruthi Shankar)
((Tradução Redação São Paulo; +55 11 56447509))
REUTERS TH CMO


Assuntos desta notícia

Join the Conversation