Clicky

MetaTrader 728×90

SÃO PAULO, 11 Mai (Reuters) – A operadora de bolsa B3
não precisará mudar sua política atual de distribuição
de dividendos para poder pagar a dívida contraída para financiar
a aquisição da Cetip pela BM&FBovespa, que deu origem à
companhia, disse um executivo do grupo nesta sexta-feira.
"Nossa geração de caixa será suficiente para conseguirmos
manter a atual política de dividendos", disse o diretor de
relações com investidores, Rogerio Santana, em teleconferência
com jornalistas sobre os resultados da empresa do primeiro
trimestre.
A B3 planeja distribuir de 70 a 80 por cento do lucro de
2018 e 2019 na forma de remuneração aos acionistas.

(Por Aluísio Alves
Edição de Raquel Stenzel)
(([email protected]; +55 11 56447719; Reuters
Messaging: [email protected]))

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Assuntos desta notícia

Join the Conversation