Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

(Texto atualizado com mais informações)
SÃO PAULO, 16 Mai (Reuters) – O Índice Geral de Preços-10
(IGP-10) registrou alta de 1,11 por cento em maio depois de
avançar 0,56 por cento no mês anterior, com forte aceleração da
alta em matérias-primas e combustíveis para produção no atacado.
O resultado divulgado nesta quarta-feira pela Fundação
Getulio Vargas (FGV) ficou acima da expectativa em pesquisa da
Reuters com economistas de alta de 1,04 por cento no mês.

De acordo com a FGV, o Índice de Preços ao Produtor Amplo-10
(IPA-10), que mede a variação dos preços no atacado e responde
por 60 por cento do índice geral, acelerou a alta a 1,55 por
cento em maio, de 0,70 por cento no período anterior.
No IPA, os Bens Intermediários saltaram, com alta de 2,51
por cento em maio, ante 0,85 por cento em abril, desempenho
influenciado pela elevação nos preços de combustíveis e
lubrificantes para produção.
Também houve forte valorização em Matérias-primas Brutas,
que subiu 2,24 por cento, ante variação positiva de 0,24 por
cento no mês anterior.
Já para o consumidor, os preços tiveram pouca variação, com
o Índice de Preços ao Consumidor-10 (IPC-10), que responde por
30 por cento do índice geral, avançando 0,26 por cento depois de
subir 0,28 por cento em abril.
O movimento é resultado principalmente da desaceleração em
Alimentação, segundo a FGV, que subiu 0,10 por cento em maio,
ante alta de 0,20 por cento na leitura anterior, com destaque
para a queda nos preços de frutas.
O Índice Nacional de Custo da Construção-10 (INCC-10)
avançou 0,34 por cento em maio, contra alta de 0,30 por cento
antes.
O IGP-10 calcula os preços ao produtor, consumidor e na
construção civil entre os dias 11 do mês anterior e 10 do mês de
referência.

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Veja as variações do IGP-10:
Abril Maio
IGP-10 +0,56 +1,11

IPA +0,70 +1,55
.Estágios
..Bens Finais +0,77 +0,04
..Bens Intermediários +0,85 +2,51
..Matérias Primas Brutas +0,43 +2,24
.Origem
..Produtos Agropecuários +3,45 +1,05
..Produtos Industriais -0,21 +1,72

IPC +0,28 +0,26
.Alimentação +0,20 +0,10
.Habitação +0,36 +0,25
.Vestuário +0,39 +0,30
.Saúde e Cuidados Pessoais +0,59 +1,08
.Educação, Leitura e Recreação +0,13 +0,01
.Transportes +0,22 +0,08
.Despesas Diversas +0,03 +0,04
.Comunicação +0,03 +0,14

INCC +0,30 +0,34
.Materiais, Equipamentos e +0,56 +0,45
Serviços
.Mão de Obra +0,08 +0,26

(Por Taís Haupt; Edição de Claudia Violante)
(([email protected]; +551156447509; Reuters
Messaging: [email protected]))


Assuntos desta notícia

Join the Conversation