Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

(Texto atualizado com mais informações)
SÃO PAULO, 10 Mai (Reuters) – A empresa de concessões de
infraestrutura CCR teve lucro líquido de 446,8
milhões de reais no primeiro trimestre, avanço de 35,8 por cento
ante mesmo período de 2017.
O resultado operacional da companhia medido pelo Ebitda
(lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, na
sigla em inglês) ajustado foi de 1,2 bilhão de reais, expansão
de 17 por cento na comparação anual.
Em termos ajustados, o lucro líquido da CCR subiu 32 por
cento e o Ebitda avançou 9,3 por cento.
O desempenho foi ajudado por uma melhora significativa no
resultado financeiro em meio a queda dos juros da economia. O
resultado financeiro negativo se reduziu de 350,9 milhões de
reais para 186,7 milhões, em meio a uma queda de 47 por cento
nas despesas com juros de empréstimos e outros financiamentos.
A receita líquida da CCR cresceu 14,7 por cento no primeiro
trimestre sobre um ano antes, para 1,94 bilhão de reais, em meio
a um crescimento de 2,3 por cento no tráfego de veículos pelas
rodovias administradas pela empresa e expansão de 5,8 por cento
no total de passageiros embarcados no aeroporto de Confins (MG),
aliada a aumento das tarifas.
Já os custos totais caíram 7,4 por cento, para 1,57 bilhão
de reais, em meio a um recuo de 35,6 por cento nas despesas com
construção.
A empresa, que atua em concessões de rodovias, metrô e
aeroportuárias, fechou março com dívida líquida de 11,85 bilhões
de reais, praticamente estável sobre o mesmo período do ano
passado. A relação dívida líquida sobre Ebitda foi de 2,2 vezes
ante 2,3 vezes no final de 2017. A CCR afirmou que excluindo
efeitos não-recorrentes de compras de participações em
concessões, a alavancagem em março de 2018 foi de 2,5 vezes.
A CCR estima investir em 2018 cerca de 2,4 bilhões de reais,
ante 3,130 bilhões em 2017. Do total a ser investido este ano,
596 milhões no metrô de Salvador e 473 milhões na concessionária
rodoviária RodoNorte, no Paraná.

(Por Alberto Alerigi Jr., edição Flavia Bohone)
(([email protected]; 5511-5644-7753; Reuters
Messaging: [email protected]))

MetaTrader 300×250

Assuntos desta notícia

Join the Conversation