Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

SÃO PAULO, 30 Nov (Reuters) – A distribuidora de energia
elétrica Eletropaulo, da norte-americana AES, convocou
Assembleia Geral Extraordinária para 2 de janeiro na qual seus
acionistas deverão deliberar sobre mudanças no estatuto social e
no Conselho de Administração da companhia, segundo comunicado da
elétrica nesta segunda-feira.
A companhia propõe adequar a composição do colegiado, que
passaria a ter nove conselheiros efetivos, três dos quais terão
os nomes submetidos à assembleia, enquanto nas outras seis vagas
seguirão profissionais que já compõem o Conselho.
A AES indicou a ex-presidente da Light, Ana Marta Horta
Veloso, o ex-diretor financeiro da Neoenergia, Erik da Costa
Breyer, e Ana Maria Loureiro Recart para as três vagas.
Já Britaldo Soares, Julian Nebreda, Fernando Quintana Merino
e Jerson Kelman, além dos Conselheiros efetivos Alexandre
Meduneckas e Marcelo Gasparino da Silva serão mantidos nos
cargos.
A AES também propõe, entre outras mudanças, que o estatuto
da companhia permita ao Conselho autorizar a emissão, sem
direito de preferência ou com redução do prazo, de ações,
debêntures conversíveis em ações ou bônus de subscrição cuja
colocação seja feita mediante venda em bolsa de valores ou
subscrição pública, ou mediante permuta por ações em oferta
pública de aquisição de controle, dentro do limite de capital
autorizado.

(Por Luciano Costa; edição de Roberto Samora)
(([email protected]; 5511 5644 7519;
Reuters Messaging: [email protected]
– Twitter: @AnaliseEnergia))

Tesouro Direto Taxa Zero 300×250

Assuntos desta notícia