Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 970×250

Por Rahul Karunakar
4 Jan (Reuters) – A economia da zona do euro encerrou o ano
passado com o crescimento mais forte em quase sete anos diante
da aceleração das atividades de serviços e indústria nas
principais economias, mostrou a pesquisa Índice de Gerentes de
Compras (PMI, na sigla em inglês) nesta quinta-feira.
O PMI Composto final do IHS Markit subiu para 58,1 em
dezembro de 57,5 em novembro e ante preliminar de 58,0. Ele está
agora no nível mais alto desde fevereiro de 2011 e bem acima da
marca de 50 que separa crescimento de contração.
"Um fim de 2017 estelar para a zona do euro fechou o melhor
ano em mais de uma década, continuando a contrariar os temores
de que o aumento da incerteza política prejudicaria o
crescimento econômico", disse Chris Williamson, economista-chefe
do IHS Markit.
Com base em indicadores futuros, a força deve continuar. O
índice composto de novas encomendas subiu para 58,0 no mês
passado, patamar mais alto desde 2007, de 57,3.
O PMI de serviços avançou para o número mais alto em mais de
seis anos de 56,6, ante 56,2 em novembro. O PMI da indústria
divulgado na terça-feira já havia mostrado que o índice foi ao
nível mais alto em mais de duas décadas da pesquisa.
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7729))
REUTERS CMO


Assuntos desta notícia