Clicky

Tesouro Direto Taxa Zero 728×90

Por Jemima Kelly
LONDRES, 4 Jan (Reuters) – O dólar recuava nesta
quinta-feira ante uma cesta de moedas, depois de se recuperar na
véspera da mínima de três meses, uma vez que dados favoráveis
dos Estados Unidos e a ata do Federal Reserve foram incapazes de
tirar a pressão da moeda.
O índice do dólar contra uma cesta de moedas chegou a
recuar para a mínima desde 20 de setembro na terça-feira dado
que o otimismo com a economia da zona do euro levou o euro acima
de 1,20 dólar pela primeira vez em três meses e meio.
A moeda norte-americana conseguiu uma leve melhora na
quarta-feira, recuperando-se após dados de indústria e
construção nos EUA, avançando ainda mais depois de a ata da
última reunião do Fed indicar que o banco central ainda deve
elevar a taxa de juros do país várias vezes neste
ano.
Às 8h50 (horário de Brasília) desta quinta-feira o dólar
estava de volta a território negativo, recuando 0,22 por cento
ante a cesta de moedas, 91,959. Já o euro avançava 0,31 por
cento, a 1,2049 dólar.
"Vemos um sentimento bastante positivo para o euro no
mercado neste momento…O mercado não está confiante o
suficiente de que níveis abaixo de 1,20 dólar são justificados",
disse a estrategista do Commerzbank Esther Reichelt.
((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5644 7729))
REUTERS CMO


Assuntos desta notícia